A Feminista Durona: As meninas que ninguém protege
Escrito por Redação   

Li noutro dia uma entrevista de 2013 sobre os casamentos prematuros no Sudão, e era citado um ancião que dizia: “As meninas nascem para que a gente possa comer. Tudo o que quero é receber o meu dote”. Ele tinha forçado a sobrinha, de menor idade, a casar-se com um homem mais velho.

Actualizado em Quinta, 17 Abril 2014 16:34
Continuar...
 
Mais de 200 pessoas violentadas este ano em Maputo
Escrito por Redação   

Pelo menos 217 cidadãos foram submetidos a vários tipos de violência doméstica, no primeiro trimestre do ano em curso, na capital moçambicana, segundo o Gabinete de Atendimento à Mulher e Criança Vítimas de Violência Doméstica, que indica que no mesmo período do ano passado foram registados 270 casos.

Actualizado em Quinta, 24 Abril 2014 09:15
Continuar...
 
Sem saúde das mulheres não há desenvolvimento
Escrito por WSLA Moçambique   

Um relatório da Organização Mundial de Saúde de 2012 mostra que as mulheres em África carregam “um fardo de doenças e mortes inaceitavelmente pesado”, que atrasa o desenvolvimento.

Actualizado em Quinta, 03 Abril 2014 15:12
Continuar...
 
“Vasculham-se” redactoras criativas!
Escrito por Redação   

Para assinalar o dia da mulher moçambicana, prestando homenagem à heroína nacional, Josina Machel, o programa “Passeios pela História”  promove um concurso de redacção criativa denominado “Mulher: Memória e História”.

Actualizado em Terça, 01 Abril 2014 10:51
Continuar...
 
Filho espanca e expulsa mãe de casa
Escrito por Redação   

Rosa Amoche, de 79 anos de idade, foi brutalmente agredida e escorraçada da sua residência pelo filho, identificado pelo nome de Beto, de 29 anos de idade, em resultado de a mãe ter descoberto que ele havia escondido uma porção de soruma e haxixe no seu quarto. O caso deu-se na madrugada de 18 de Março em curso, no bairro do Aeroporto, na cidade de Maputo.

Actualizado em Quinta, 20 Março 2014 18:16
Continuar...
 
Mulher moçambicana clama pela valorização
Escrito por Coutinho Macanandze   

Celebrou-se esta segunda-feira (07), o Dia da Mulher Moçambicana, alusivo ao aniversário da morte de Josina Machel, segunda esposa de Samora Machel, primeiro Presidente de Moçambique. Neste contexto, a mulher sente-se ainda excluída e exige do Governo e da sociedade uma maior valorização através da criação de políticas contra a violência doméstica, a remoção das dificuldades no acesso aos cuidados sanitários com qualidade, a introdução da especialização no trabalho e o fim de outros males que impedem a sua integração na vida económica, política e social.

Actualizado em Segunda, 07 Abril 2014 18:14
Continuar...
 
A Feminista Durona: a instabilidade em que vivemos
Escrito por WSLA Moçambique   

São difíceis, estes tempos em que vivemos. Paira sobre nós a ameaça da guerra e já começamos a sentir os primeiros impactos. A circulação dentro do país faz-se irregularmente, os preços dos produtos aumentaram e podem vir a subir ainda mais, há famílias inteiras a deixar para trás as suas casas e os seus bens, há crianças que não vão conseguir ir à escola.

Actualizado em Segunda, 21 Abril 2014 12:56
Continuar...
 
Dez indivíduos detidos por abusos sexuais contra menina de 12 anos em Cabo Verde
Escrito por Agências   

Dez indivíduos acusados de abusar sexualmente de uma menina de 12 anos na localidade de Pontinha de Janela foram detidos por ordem do Tribunal da Comarca do Paul, na ilha cabo-verdiana de Santo Antão, apurou-se de fonte judicial.

Actualizado em Terça, 25 Março 2014 15:43
Continuar...
 
Nove anos de maus-tratos
Escrito por Redação   

Em qualquer sociedade, as mulheres são consideradas um importante motor de mudança e desenvolvimento, porém, a violência física e os maus-tratos a que são submetidas, diariamente, pelos maridos obstam o seu papel na família, causam-lhe traumas capazes de condicionar o seu futuro e violam, de forma rústica, os princípios dos direitos humanos. Ana Constantino é um exemplo disso. Aos 26 anos de idade, ela vagueia pela capital moçambicana, desde 14 de Março corrente, com trouxas à cabeça e um menor de um ano ao colo, sem eira nem beira, em resultado de agressões físicas perpetradas pelo marido durante nove anos.

Actualizado em Quinta, 20 Março 2014 18:21
Continuar...
 
<< Início < Anterior 1 2 Seguinte > Final >>

Pág. 1 de 2

Mapa da "Guerra" a partir de 21-10-2013


Ver Mapa da "guerra" a partir de 21/10/13 num mapa maior
  • CIDADÃO REPORTA:
    No distrito de Meconta-provincia de Nampula em Mocambique, na xcola secundaria de Namialo, os professores, nao recebem suas horas extras ha 1 ano e um mes e saindo algum colectivo da xcola a direcao provincial das financas, dizem terem pago os ordenados e por sua vez o director distrital dizia que nao houve nenhum despacho e neste momento estao paralizadas as aulas!
  • CIDADÃO REPORTA:
    estou num fematro que sai da baixa para Albazine, o motorista acelera demais toda gente que se encontra aqui esta reclamando (escesso de velocidade) em Maputo.
  • CIDADÃO Pedro B. Langa REPORTA:
    Pedro B. Langa, Maputo. Enquato nao tivermos a coragem de ariscar em eleger o outro partido para governar o pais, vamos continuar a sofrer humilhacoes da Frelimo onde um tem 5 4x4 e o pobre nao sabe o que vai comer durante o dia. Nhancale o verdadeiro xiconhoca
  • CIDADÃO Leo REPORTA:
    está um corpo de uma mulher sem vida atrás do prédio onde vivo, vi o corpo por volta das 8 horas e até agora não vieram remover o corpo, a vizinhança já sabe disso comunicaram a policia e simplesmente vieram tapar o corpo com uma capulana e foram embora. O corpo,está na parte de trás de um prédio no bairro do Jardim, em Maputo, rua do jardim próximo a ponte da av. de Moçambique defronte a av. Joaquim Chissano.
Quer receber a nossa Newsletter semanal com artigos escolhidos pelo editor no seu INBOX?

SMS Forum

Envie para 90441* (custo 2MT)
* Apenas nas redes 82 e 84