Sol de Carvalho premiado em Portugal pelo filme “Mabata Bata”
Escrito por Redação   
Quarta, 18 Setembro 2019 22:03

O realizador moçambicano Sol de Carvalho foi premiado nesta quarta-feira (18) pela Federação Portuguesa de Cineclubes pela sua obra cinematográfica “Mabata Bata”, que retrata as feridas da primeira guerra civil em Moçambique.

Actualizado em Terça, 24 Setembro 2019 07:39
Continuar...
 
Grupos de dança aumentam em Moçambique
Escrito por Redação   
Quarta, 03 Julho 2019 22:51

Em Moçambique existem 6.008 grupos de dança, quase 50 por cento mais do que em 2017, grande parte na Província do Niassa. A segunda expressão cultura mais popular é a música ligeira, seguida pelos grupos corais, música tradicional e o teatro.

Actualizado em Quinta, 04 Julho 2019 07:14
Continuar...
 
Noite de premiação dos concorrentes do “Ngoma Moçambique” foi dos “Langas”, para o orgulho de Hortêncio Langa
Escrito por Emildo Sambo   
Segunda, 03 Dezembro 2018 06:56

«Quem sai aos seus não degenera». Este ditado popular, que assenta como uma luva na vocalista Xivel Langa e no baterista e percussionista Texito Langa, é o que se viu na gala de premiação aos concorrentes do “Ngoma Moçambique” – edição 2018 – na última sexta-feira (30), na capital moçambicana. Os irmãos Xixel e Texito Langa, filhos do conceituado músico Hortêncio Langa, arrebataram os galardões de “melhor canção” e “revelação”.

Actualizado em Terça, 11 Dezembro 2018 07:36
Continuar...
 
Niassa é a província mais cultural de Moçambique
Escrito por Adérito Caldeira   
Quinta, 12 Julho 2018 08:09

Grafismo de Nuno TeixeiraMoçambique tem mais de 7 mil grupos grupos culturais dos quais 54 por cento dedicam-se à dança, 18 por cento à música ligeira, 14 por cento são grupos corais, 8 por cento praticam a música tradicional e apenas 6 por cento fazem teatro. A maioria dos dançarinos encontram-se na Região Norte, particularmente na província do Niassa.

Continuar...
 
Emakhuwa continua a ser a língua materna mais falada em Moçambique
Escrito por Adérito Caldeira   
Domingo, 30 Junho 2019 21:53

O Emakhuwa, língua materna nas províncias de Nampula, Niassa, Cabo Delgado e Zambézia, continua a ser a mais falada em Moçambique com 5,8 milhões de falantes. A língua oficial no nosso país, o português, é falado por 3,6 milhões de moçambicanos.

Actualizado em Sábado, 06 Julho 2019 09:51
Continuar...
 
“Os músicos de agora já não investem muito na produção de discos” em Moçambique, em 2017 só foram colocados no mercado 5.262
Escrito por Adérito Caldeira   
Terça, 17 Julho 2018 06:52

Contrastando com a crescente produção de música em Moçambique a instituição que atesta a originalidade dos fonogramas está a receber cada vez menos solicitações de selos, em 2017 emitiu somente 5.262, menos de um terço do que em 2016. “Os músicos de agora já não investem muito na produção de discos”, explicou a directora do Instituto Nacional do Livro e do Disco (INLD).

Actualizado em Segunda, 23 Julho 2018 08:06
Continuar...
 
Zena Bacar, a diva que emanava leite e mel e morreu na miséria (1949 – 2017)
Escrito por Redação   
Terça, 26 Dezembro 2017 05:54

@VerdadeFaleceu, vítima de doença prolongada na cidade de Nampula, Zena Bacar aos 68 anos de idade, na miséria. “A música é o dom de Deus. Não posso deixar de cantar só porque algumas pessoas não me valorizam. Tenho que valorizar essa enxada que Deus me deu” disse certa vez ao @Verdade a diva, que em nada se compara as meninas que vestem saias curtas, maquilham-se e vão ao palco abanar o traseiro!

Actualizado em Terça, 26 Dezembro 2017 15:22
Continuar...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 1 de 36
  • CIDADÃO REPORTA:
    No distrito de Meconta-provincia de Nampula em Mocambique, na xcola secundaria de Namialo, os professores, nao recebem suas horas extras ha 1 ano e um mes e saindo algum colectivo da xcola a direcao provincial das financas, dizem terem pago os ordenados e por sua vez o director distrital dizia que nao houve nenhum despacho e neste momento estao paralizadas as aulas!
  • CIDADÃO REPORTA:
    estou num fematro que sai da baixa para Albazine, o motorista acelera demais toda gente que se encontra aqui esta reclamando (escesso de velocidade) em Maputo.
  • CIDADÃO Pedro B. Langa REPORTA:
    Pedro B. Langa, Maputo. Enquato nao tivermos a coragem de ariscar em eleger o outro partido para governar o pais, vamos continuar a sofrer humilhacoes da Frelimo onde um tem 5 4x4 e o pobre nao sabe o que vai comer durante o dia. Nhancale o verdadeiro xiconhoca
  • CIDADÃO Leo REPORTA:
    está um corpo de uma mulher sem vida atrás do prédio onde vivo, vi o corpo por volta das 8 horas e até agora não vieram remover o corpo, a vizinhança já sabe disso comunicaram a policia e simplesmente vieram tapar o corpo com uma capulana e foram embora. O corpo,está na parte de trás de um prédio no bairro do Jardim, em Maputo, rua do jardim próximo a ponte da av. de Moçambique defronte a av. Joaquim Chissano.
Quer receber a nossa Newsletter diária com artigos escolhidos pelo editor no seu INBOX?
http://www.Auto-Doc.PT
 

@Verdade Newsletter

Quer receber diariamente no seu email a nossa edição em formato PDF? Preencha o seguinte formulário:
Irá receber um email com uma ligação para confirmar a sua subscrição. Caso não visualize o email no seu inbox confira na caixa spam.