Faixa publicitária
Debater empreendedorismo feminino
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
CAMPUS - Empreendedorismo
Escrito por Danúbio Mondlane  em 17 Agosto 2010
Share/Save/Bookmark

O primeiro dia da conferência sobre a Semana Global do Empreendedorismo ocorrida no Instituto de Ciências e Tecnologias (ISCTEM) em Maputo, de 16 a 22 de Novembro, foi marcado por debates sobre a promoção do empreendedorismo feminino.

Durante sete dias, milhares de jovens no mundo juntaram-se num movimento crescente com vista a gerar novas ideias, pensar grande e transformar ideias em realidade. Em Moçambique, a Semana Global do Empreendedorismo caracterizou-se pela realização de palestras, seminários e workshops levados a cabo pela Empresa Júnior do ISCTEM (EJI), uma associação sem fins lucrativos, constituída por estudantes do ensino superior e que presta serviços e desenvolve projectos para empresas, entidades e a sociedade em geral nas suas áreas de actuação, sob orientação de professores e profissionais especializados.

Segundo o comunicado da EJI, os eventos serviram para informar, interagir, atrair e mobilizar a próxima geração de empreendedores de forma a tornarem-se inovadores e criativos. Entretanto, porque Novembro é considerado o mês da mulher empreendedora, numa lógica que consiste em juntar o útil ao agradável, os organizadores escolheram o dia 16 para dedicar aos debates à atenção do empreendedorismo feminino.

Sofia Magaia, membro da EJI, considera que a família é a base da sociedade e nesse processo a mulher é a base da família. “Inserimos a mulher nesse processo, precisamente por acharmos que ela precisa de encontrar outras formas de melhorar a vida e para inventar negócios”, afirma.

Por outro lado, Saquina Ruguneate, líder e membro da EJI, partilha a mesma opinião e faz um balanço positivo, porque, segundo as suas palavras, para além da participação de algumas organizações o evento juntou várias figuras que se destacam no panorama feminista em Moçambique, tendo cada uma delas contribuído com a sua experiência para a materialização dos objectivos ora estabelecidos.

Com efeito, a conferência sobre o empreendedorismo foi interrompida durante os dias 17 e 18 para dar lugar às celebrações do dia Internacional do Estudante e às actividades relativas às Jornadas Cientificas do Curso de Gestão. Dois dias depois, a conferência foi retomada trazendo à ribalta temas sobre o empreendedorismo no geral.

Origem da Semana Global do Empreendedorismo

O movimento surgiu na Inglaterra em 2004, quando o então Ministro das Finanças Gordon Brown, sentiu necessidade de estimular o espírito empreendedor, inovação e criatividade no país. Assim, foi lançada a Semana do Empreendedorismo, em que foram desenvolvidas diversas actividades que inspiram as pessoas a assumirem maior protagonismo de suas histórias e colocarem as suas ideais em prática.

Portanto, em 2007, os Estados Unidos e Inglaterra fizeram com que alguns Estados seguissem o exemplo oficializando a semana do empreendedorismo. Em 2008, o evento tornou-se mundial, mais de 70 países participaram incluindo Moçambique, o qual contou com 300 participantes.

Comentários   

 
0 #1 Ana 22-09-2011 20:52
Boa tarde!

Gostaria de receber tudo sobre Empreendedorism o Feminino no Brasil, estou concluindo o TCC do curso de Administração, preciso muito de ajuda.
fico no aguado.
Muito Obrigada.
Citar
 

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 4
FracoBom