Faixa publicitária
Pergunta a Tina: Será que orgasmo feminino é igual para todas, isto é todas têm a mesma reacção?
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Vida e Lazer - Pergunte a Tina
Escrito por Tina  em 03 Agosto 2018
Share/Save/Bookmark

Olá Tina, tudo bem? Tenho uma dúvida, se já atingi o orgasmo ou não. Será que orgasmo feminino é igual para todas, isto é todas têm a mesma reacção? Moly

Olá, Moly, tudo bem por aqui, obrigada. Se tens dúvidas, então é porque certamente não atingiste o orgasmo. O orgasmo é o nível mais elevado de prazer sexual, um prazer físico intenso pelo corpo todo, com perda do controle dos sentidos, em que tudo o resto “deixa de existir”, uma espécie de desligamento do ambiente envolvente. Embora dure apenas alguns segundos, o orgasmo não passa despercebido.

O orgasmo feminino é diferente de mulher para mulher, cada pessoa é uma situação diferente, um corpo e uma reacção individual, mas tem algumas características básicas comuns, como seja uma lubrificação vaginal mais intensa, contracções rítmicas dos músculos da área genital, incluindo os músculos vaginais, respiração mais rápida e batimentos do coração mais acelerados.

Em muitas mulheres, mas não todas, o orgasmo é acompanhado de manifestações externas de maior ou menor intensidade, especialmente gemidos de prazer, ou articulação de algumas palavras. Outras têm tremores, algumas contraem toda a musculatura do corpo, outras riem e algumas até choram, enfim, um sem número de reacções, as mais díspares.

Depois do orgasmo, dá-se um relaxamento muscular intenso, com uma agradável sensação de bem-estar geral.

Quase sempre, a causa de uma mulher não atingir o orgasmo é simplesmente a inexperiência ou inabilidade do parceiro. Para haver um orgasmo é indispensável a excitação prévia. Sem excitação não pode haver orgasmo. A tua preocupação não se trata de uma doença ou uma situação que não possa ser ultrapassada.

Em geral, as mulheres levam mais tempo a atingir o orgasmo. Elas precisam de mais tempo e de mais carícias do que os homens para chegarem ao orgasmo.

Normalmente, a situação pode melhorar se o casal prolongar e se concentrar mais nos preliminares, ou seja a troca de carícias e estímulos das zonas erógenas, as zonas do corpo onde somos mais sensíveis a carícias e sentimos prazer quando somos tocados de certa forma. Muitas mulheres conseguem atingir orgasmos durante os preliminares, mesmo sem penetração, especialmente se o parceiro for carinhoso e sem pressas. Embora seja muito variável de pessoa para pessoa, há quem diga que os preliminares devem durar pelo menos 10-15 minutos. Mas se o casal estiver focado somente nos órgãos genitais, o orgasmo não ocorrerá nos preliminares.

Não deve haver pressas para a penetração, nem a preocupação de atingir o orgasmo. A mulher tem que estar relaxada e a? vontade. Se estiver muito ansiosa ou nervosa, e? mais difícil atingir o orgasmo.

Naturalmente que a situação não se resolve de um dia para o outro, mas o facto de não se atingir o orgasmo, não significa que não se sinta prazer. Quando duas pessoas estão a? vontade uma com a outra, relaxadas, e a intimidade e? grande, o sexo pode ser muito bom mesmo sem atingir o orgasmo, se for partilhado sem pressas e com cumplicidade.

Querida Moly, não fiques preocupada, pois com certeza a tua situação será ultrapassada sem dificuldades de maior.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 2
FracoBom