Faixa publicitária
Pergunta à Tina: tenho algum problema devido ao atraso de ejaculação?
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Vida e Lazer - Pergunte a Tina
Escrito por Tina  em 16 Agosto 2016
Share/Save/Bookmark

Olá Tina, tive um problema de erecção durante três meses e minha namorada me abandonou, no entanto fui ao hospital explicar o caso e disseram que tinha de procurar um psicólogo. Não fui, e uma semana depois envolvi-me com uma outra pessoa de idade superior à minha, pois eu tenho 25 anos e ela 38 anos de idade. Com ela está a ser diferente, pois, tenho erecção e não ejaculo a menos de 1 hora de mega transa, gostaria de saber se tenho algum problema devido ao atraso de ejaculação nessa minha nova relação? E se pode vir a influenciar má acção no meu futuro tendo em consideração que ela é mais velha em relação a mim? E quero entender porquê perdi ereção na antiga relação e o facto de ela ter me abandonado? Ajude-me a entender Tina, Tony.

Olá, Tony, compreendo as tuas preocupações, mas não é motivo para ficares muito angustiado, pois não tens nenhuma doença. Trata-se apenas de uma atitude desajustada em relação à actividade sexual, que tu próprio poderás corrigir sem dificuldade. Aliás, esta é uma questão muito comum entre os homens.

Quanto ao problema que tiveste com a antiga relação, possivelmente vocês já não se amavam muito, por qualquer razão, e naturalmente perderam o interesse um no outro. Assim sendo, é normal que tivesses dificuldades de erecção. A erecção é comandada centralmente na nossa cabeça. Então, provavelmente a tua cabeça não estava para aí virada, face ao vosso desinteresse mútuo.

A diferença de idades no teu novo relacionamento não constitui qualquer problema para o futuro. O atraso de ejaculação que referes não é uma doença, nem há tratamento para isso, e não depende da diferença de idades. Depende da tua cabeça.

O mais importante de tudo é que vocês se amem verdadeiramente, com consideração e respeito, e conversem franca e abertamente sobre o que vos dá ou não dá prazer, quando fazem sexo. Assim deixarás de te preocupar com ejaculação ou não, e o maior ou menor tempo que demora o acto sexual. Essa preocupação está a impedir-te de desfrutar do sexo da melhor maneira. Deves saber que essa não é preocupação da maior parte das mulheres quando fazem sexo, ao contrário dos homens. E nota também que pode haver sexo muito prazeroso mesmo sem erecção e muito menos ejaculação.

Liberta a tua cabeça, esquece a erecção e a ejaculação ou a duração do acto sexual, relaxa, e concentra-te no prazer que podes dar e receber, deixando que os vossos corpos desfrutem mutuamente, com naturalidade, do prazer que a criatividade e imaginação permitem aos humanos gozarem com o sexo, como nenhum outro animal. Boa sorte!

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 2
FracoBom