Faixa publicitária
Xiconhocas da semana: Funcionários do SENAMI corruptos; Ladrões da ajuda de emergência; Gangue das dívidas ilegais
Xiconhoca
Escrito por Redação  em 06 Abril 2019
Share/Save/Bookmark

Os nossos leitores elegeram os seguintes Xiconhocas na semana finda:

Funcionários do SENAMI corruptos

Cidália dos Santos, Cira Fernandes e outros 20 funcionários do Serviço Nacional de Migração (SENAMI) são uns verdadeiros Xiconhocas. Esse bando de corruptos criou um sistema de falsificação de passaportes e outros documentos de identificação. A acção destes Xiconhocas, que agora se encontram nos bancos dos réus, permitiu ao cadastrado Momade Assife Abdul Satar fugir de Moçambique em 2016, para de conceder vistos de entrada em Moçambique a 17 cidadãos nigerianos e emissão de 42 passaportes falsos que foram usados por cidadãos de nacionalidade nigeriana. Estes Xiconhocas devem ser exemplarmente punidos.

Ladrões da ajuda de emergência

Definitivamente, alguns moçambicanos devem ser estudados de modo que se entenda essa forte propensão ao roubo. Numa situação quem milhares de moçambicanos enfrentam dificuldades para ter o que comer, há um bando de insensíveis que tem estado a desviar os alimentos e os donativos para o benefício próprio, agudizando o sofrimento das pessoas nos centros de acomodação. É caso para dizer que não somos uma sociedade normal.

Gangue das dívidas ilegais

Os indivíduos que levaram o nosso país à beira do abismo, contraindo empréstimos ilegais em nome dos moçambicanos, continuam a rir-se da cara do povo. Essa gangue, que parte dela se encontra em prisão preventiva, parece que continuam a levar uma vida faustosa nos estabelecimentos de reclusão, o que chega a ser um insulto de proporções gigatescas ao povo. Bando de Xiconhocas!

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 1
FracoBom