Faixa publicitária
“Al Sabaab” moçambicano surgiu na RD Congo, segundo Comandante-Geral da PRM
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Newsflash
Escrito por Redação  em 10 Junho 2019
Share/Save/Bookmark

Foto da Presidência da RepúblicaO Comandante-Geral da PRM, Bernardino Rafael, revelou na passada sexta-feira (07), durante um comício presidencial, que os insurgentes que aterrorizam a Província de Cabo Delgado, apelidados de “Al Shabaab”, “Tiveram a sua génese na República Democrática do Congo”.

Instado pelo Presidente da República a explicar aos cidadãos do Distrito de Metuge, na Província de Cabo Delgado, quem são os insurgentes que desde 2017 criam terror à aquela região de Moçambique o Comandante-Geral da Polícia da República de Moçambique (PRM) revelou que: “Tiveram a sua gênese na República Democrática do Congo e penetraram no nosso país através da República Unida da Tanzania chegando até a alterar a ordem e segurança pública, sobretudo assassinatos, incêndio nas residências e raptos aos moçambicanos”.

Recorde-se que em Maio, durante um périplo que realizou pela província nortenha, Bernardino Rafael havia identificado os mandantes dos insurgentes, que os locais apelidam de “Al Shabaab” por serem grupos compostos por jovens, como sendo os garimpeiros ilegais e os traficantes de rubis de Namanhumbir.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom