Faixa publicitária
Polícia desarticula presumíveis vendedores de drogas em Pemba
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Newsflash
Escrito por Redação  em 13 Junho 2018
Share/Save/Bookmark

A Polícia da República de Moçambique (PRM) deteve três cidadãos de nacionalidade estrangeira por alegada venda de drogas na cidade de Pemba, província de Cabo Delgado. Na posse dos acusados foram apreendidos 35 quilogramas de haxixe e heroína.

Os indiciados são de origem queniana e tanzaniana, dos quais dois alegaram que são inocentes e um admitiu o seu envolvimento na comercialização dos referidos estupefacientes, mas justificou que os mesmos pertencem a um indivíduo que lhe entregou para vender mas não desconhece o seu paradeiro.

Augusto Guta, porta-voz da PRM em Cabo Delgado, disse que se trata de dois tanzanianos e um queniano, há algum tempo se dedicam a este tipo de negócio ilícito.

Para vender o produto, os cidadãos ora detidos simulavam que eram comerciantes de bens alimentares acondicionados em embalagens plásticas, tais como açúcar e folhas de chá.

Refira-se que uma cidadã queniana foi detida esta semana no Aeroporto Internacional de Maputo, também acusada de posse de droga na sua mala de viagem.

A visada, de 29 anos de idade, foi surpreendida na posse de mais de quatro quilogramas de cocaína quando pretendia embarcar para o Mali, de acordo com a PRM.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom