Faixa publicitária
Jovem albino morto em Tete
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Newsflash
Escrito por Redação  em 19 Setembro 2017
Share/Save/Bookmark

Um jovem que sofre de albinismo – ausência ou grande falta de pigmento na pele, nos olhos, nos pêlos e no cabelo – foi assassinado por indivíduos desconhecidos, os quais retiram do corpo da vítima alguns órgãos para fins não apurados, na semana finda, na província de Tete.

O crime deu-se na zona de Benga, no distrito de Moatize, na noite de quarta-feira (13). Os presumíveis bandidos extraíram da vítima o cabelo, o cérebro, os membros inferiores e superiores, apurou a @Verdade.

Refira-se que foi em Tete, onde a Polícia da República de Moçambique (PRM) deteve um casal, acusado de tentativa de venda do próprio filho de dois anos de idade, com problemas de albinismo, por quatro milhões de meticais, em conluio com cinco indivíduos, supostamente por si contactados.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom