Faixa publicitária
Dois cidadãos linchados em Sofala e na Zambézia
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Newsflash
Escrito por Redação  em 17 Fevereiro 2017
Share/Save/Bookmark

Dois cidadãos foram mortos, vítimas de justiça pelas próprias mãos, na madrugada de quinta-feira (16), nas províncias de Sofala e da Zambézia, supostamente porque eram ladrões que de há tempo a esta parte perpetravam desmandos.

Na cidade da Beira (Sofala), o caso deu-se no bairro da Manga, mas a população negou a autoria do crime, alegando que o indivíduo pode ter sido morto num outro local e o seu cadáver arrastado até onde foi achado pela manhã.

O corpo foi achado com os membros superiores e inferiores amarrados e alguns instrumentos contundentes aparentemente usados no homicídio. Trata-se do segundo crime que se regista este ano naquela província, onde no ano passado mais de 10 pessoas perderam vida por linchamento.

Aliás, ainda na cidade da Beira, quatro indivíduos desconhecidos amordaçaram, algemaram um guarda e tentaram apoderar-se de uma ATM, madrugada de quinta-feira (16).

O grupo, que se fazia transportar numa viatura cuja matrícula e características não foram registadas, não conseguiu lograr os seus intentos devido à movimentação de pessoas na via onde a máquina estava montada.

Já em Quelimane (Zambézia), um outro linchamento aconteceu no bairro Santágua “B”. Populares contaram que o malogrado foi surpreendido a roubar duas máquinas de fabricar blocos de construção. Ele estava supostamente com um comparsa que conseguiu fugir.

É o segundo caso de justiça pelas próprias mãos que ocorre no bairro Santágua, em menos de uma semana.

O cadáver da vítima foi igualmente abandonado na via pública e viria a ser reconhecido pelos familiares.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom