Faixa publicitária
EDM pagou “contabilisticamente” 4,9 biliões em dívida com HCB
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Economia
Escrito por Adérito Caldeira  em 21 Março 2019
Share/Save/Bookmark

A Electricidade de Moçambique (EDM) “limpou” do seu balanço 4,9 biliões de meticais em dívidas acumuladas com a Hidroeléctrica de Cahora Bassa (HCB), no entanto o @Verdade apurou que não houve dinheiro envolvido.

A dívida da energia adquirida e acumulada durante mais de uma década e que com a desvalorização do metical ascendeu a 5,6 biliões de Meticais em 2016 foi reestruturada contabilisticamente pelas duas empresas e no fecho do Exercício de 2017 a EDM devia apenas 798.655.916 Meticais a HCB.

Fonte da Administração da Electricidade de Moçambique esclareceu ao @Verdade que este pagamento “não envolveu dinheiro” e foi possível porque o Estado, que é o acionista das duas empresas, permitiu a engenharia financeira que não só melhora o balanço da EDM como saneia o balanço da Hidroeléctrica de Cahora Bassa que está em processo de cotação na Bolsa de Valores de Moçambique.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom