Faixa publicitária
Mais um adolescente desaparece em Nampula, é o sexto caso desde Dezembro passado
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Nacional
Escrito por Leonardo Gasolina  em 09 Julho 2015
Share/Save/Bookmark

Um adolescente que responde pelo nome Carlitos Arlindo, de 15 anos de idade, desapareceu da casa dos pais, na semana finda, no bairro de Murrapaniua, na cidade de Nampula, em circunstâncias não esclarecidas. Presume-se que ele tenha sido traficado por ser albino, pessoas com esta anomalia são vítimas de ataques violentos para vários fins maléficos.

Desde meados do ano passado, na região norte de Moçambique, na província de Nampula em particular, há relatos de raptos de albinos. As autoridades policiais indicam que em Nampula já foram sequestrados seis cidadãos e nenhum deles reapareceu.

Na altura em que Carlitos desapareceu se encontrava na Faina, em Murrapaniua, Daniel Lucas, tio do adolescente, contou que o miúdo saiu de casa para brincar com os seus amigos, por volta das 16h00, e nunca mais regressou.

O adolescente nunca ficava fora de casa até tarde, mas naquele dia até às 20h00 ninguém sabia do seu paradeiro e os familiares entraram em pânico. "Quando perguntámos os seus amigos estes disseram que se separaram dele às 17h30. Ficámos preocupados e andamos de casa em casa à procura dele” mas sem sucesso.

Segundo Lucas, os parentes continuavam à procura do seu sobrinho. Ele, nas companhia de dois seus irmãos do adolescente, comunicou o caso à unidade policial da Faina, no bairro de Mutauanha, onde se instaurou um processo que posteriormente foi encaminhado a 1a esquadra.

O menino a que nos referimos desistiu de estudar na 7ª classe, no ano passado, devido à descriminação por ser albino, de acordo com Lucas. Ele frequentava a Escola Primária Completa de Murrapaniua-1.

De acordo com o nosso interlocutor, semanas antes de Carlitos desaparecer, três indivíduos efectuaram um vaivém na zona e os vizinhos asseguraram que viram o grupo a conversar com o miúdo.

Sérgio Mourinho, porta-voz do Comando Provincial da Polícia da República de Moçambique (PRM) em Nampula, confirmou a ocorrência mas não avançou quaisquer detalhes supostamente para não atrapalhar as diligências.

Segundo Sérgio, três pessoas encontram-se a presas por suspeita de envolvimento em tráfico de albinos. Também não pormenorizou este assunto.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom