Professores abandonam as escolas em Muecate PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Destaques - Nacional
Escrito por Redação Nampula   
Quinta, 11 Setembro 2014 16:02

Cresce o número de professores que abandonam as salas de aulas, no distrito de Muecate, na província de Nampula. Na origem desse fenómeno, os pedagogos apontam o não pagamento de salários, a falta de transparência na solução de problemas laborais por parte dos dirigentes dos Serviços Distritais de Educação, Juventude e Tecnologia (SDEJT), as transferências desnecessárias e a incapacidade de gestão de pessoal.

Continuar...
 
O “defensor” das florestas de Mocuba PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Destaques - Nacional
Escrito por Cristóvão Bolacha   
Quinta, 11 Setembro 2014 15:52

Nos últimos tempos, fiscalizar espécies florestais no distrito de Mocuba, província da Zambézia, transformou-se numa profi ssão que exige coragem. Porém, existem fiscais que arriscam a sua vida para desmantelar redes de madeireiros furtivos. Eusébio Figredo, de 46 anos de idade, é o exemplo de agente do sector de Florestas e Fauna Bravia da Direção Provincial da Agricultura que luta para travar a onda de exploração ilegal da madeira. Com mais de 15 anos de carreira, ele já colocou fora de acção vários infractores e foi vítima de inúmeras ameaças de morte.

Continuar...
 
Funcionários públicos continuam a roubar os cofres do Estado em Moçambique PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Destaques - Nacional
Escrito por Coutinho Macanandze   
Quarta, 10 Setembro 2014 17:06

Entre 2008 e 2013, três milhões e duzentos mil meticais (3.200.000,00) foram saqueados dos cofres do Estado por três funcionários públicos afectos ao município de Chibuto, na província de Gaza, cujos nomes não foram revelados pelas autoridades de combate à corrupção, com recurso à falsificação de documentos e pagamento de salários a trabalhadores “fantasmas”.

Continuar...
 
Caçadores furtivos detidos na reserva do Niassa PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Destaques - Nacional
Escrito por Redação   
Terça, 09 Setembro 2014 08:05

Seis cidadãos foram detidos e acusados de prática de caça ilegal de elefantes na Reserva Nacional do Niassa, no norte de Moçambique. Na posse dos detidos, que terão morto 39 elefantes este ano, foram encontradas 12 pontas de marfins e duas espingardas. Esta importante detenção feita pelas autoridades policiais no distrito de Mecula resultam de mais de 10 meses de investigação conjunta envolvendo também fiscais da Reserva e de uma empresa de Safaris que opera na região a Luwire.

Continuar...
 
Cidadão assume ter estuprado a sobrinha e fica impune em Maputo PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Destaques - Nacional
Escrito por Redação   
Segunda, 08 Setembro 2014 16:57

Um cidadão de 49 anos de idade que responde pelo nome de Samuel Ambasse confessou ao @Verdade e às estruturas da zona onde vive ter abusado sexualmente da sua sobrinha de 13 anos de idade, na madrugada desta segunda-feira (08), no quarteirão 45, no bairro de Hulene “B”, na capital moçambicana, mas a família o protege supostamente para não ser desacreditada no bairro.

Continuar...
 
Britalar “congela” reinício das obras na Av.Julius Nyerere devido a dívida do município de Maputo PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Destaques - Nacional
Escrito por Redação   
Segunda, 08 Setembro 2014 11:24

A construtora Britalar, responsável pelas obras de má qualidade no prolongamento da avenida Julius Nyerere, na capital de Moçambique, não avançou ainda para uma nova reabilitação desta via devido  a uma alegada dívida do Município de Maputo com aquela empresa portuguesa. Três laboratórios independentes confirmaram aquilo que se pode ver a olho nú por qualquer citadino: foi usado material de fraca qualidade na base e no asfalto desta avenida danificada no ano 2000 pelas cheias que assolaram a cidade de Maputo. No projecto inicial a reabilitação deveria compreender um troço de 3,5 quilómetros a partir da rotunda da Praça do Destacamento Feminino até à Praça dos Combatentes. Até hoje apenas foi reabilitado o troço entre a Praça do Destacamento Feminino e a avenida Para o Palmar.

Continuar...
 
Os estupros que ainda assombram Luís Cabral PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Destaques - Nacional
Escrito por Intasse Sitoe   
Quinta, 04 Setembro 2014 15:32

Os dias 16, 19, 27 de Junho e 17 de Julho últimos jamais serão esquecidos no bairro Xinhambanine, vulgo Luís Cabral, na capital moçambicana, que foi assolado por uma vaga de agressões físicas e estupros que culminaram com a morte de, pelo menos, quatro raparigas. Todos os crimes se deram de forma muito semelhante. Agora, a situação parece estar controlada mas o medo e a insegurança ainda reinam na região. As mulheres dos quarteirões onde os crimes aconteceram continuam apavoradas, e a partir das 19h00 não saem de casa por temerem ser as próximas vítimas.

Continuar...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 1 de 14

Mapa da "Guerra" a partir de 21-10-2013


Ver Mapa da "guerra" a partir de 21/10/13 num mapa maior
  • CIDADÃO REPORTA:
    No distrito de Meconta-provincia de Nampula em Mocambique, na xcola secundaria de Namialo, os professores, nao recebem suas horas extras ha 1 ano e um mes e saindo algum colectivo da xcola a direcao provincial das financas, dizem terem pago os ordenados e por sua vez o director distrital dizia que nao houve nenhum despacho e neste momento estao paralizadas as aulas!
  • CIDADÃO REPORTA:
    estou num fematro que sai da baixa para Albazine, o motorista acelera demais toda gente que se encontra aqui esta reclamando (escesso de velocidade) em Maputo.
  • CIDADÃO Pedro B. Langa REPORTA:
    Pedro B. Langa, Maputo. Enquato nao tivermos a coragem de ariscar em eleger o outro partido para governar o pais, vamos continuar a sofrer humilhacoes da Frelimo onde um tem 5 4x4 e o pobre nao sabe o que vai comer durante o dia. Nhancale o verdadeiro xiconhoca
  • CIDADÃO Leo REPORTA:
    está um corpo de uma mulher sem vida atrás do prédio onde vivo, vi o corpo por volta das 8 horas e até agora não vieram remover o corpo, a vizinhança já sabe disso comunicaram a policia e simplesmente vieram tapar o corpo com uma capulana e foram embora. O corpo,está na parte de trás de um prédio no bairro do Jardim, em Maputo, rua do jardim próximo a ponte da av. de Moçambique defronte a av. Joaquim Chissano.
Quer receber a nossa Newsletter semanal com artigos escolhidos pelo editor no seu INBOX?
Faixa publicitária
 

@Verdade Newsletter

Quer receber todas semanas no seu email a nossa edição em formato PDF? Preencha o seguinte formulário:
Irá receber um email com uma ligação para confirmar a sua subscrição. Caso não visualize o email no seu inbox confira na caixa spam.
Faixa publicitária