Faixa publicitária
Homens que usam saias
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Vida e Lazer - Mulher
Escrito por Redação  em 30 Setembro 2008
Share/Save/Bookmark

As mulheres tiveram de enfrentar o preconceito para puderem usar calças. Há homens que querem os mesmos direitos: vestir saia sem perder a masculinidade.

O guarda-roupa de Dominique Moreau é, no mínimo, sui generis. Além de calças e calções, este francês de 39 anos tem no armário 20 saias desenhadas especificamente para homens. Todas têm corte adaptado à estrutura masculina – mais largo na cintura e mais estreito nas ancas. As cores são discretas (preto, cinzento, castanho ou caqui), os padrões são simples (não têm flores) e a altura é sempre a mesma – abaixo do joelho.

Há seis anos, este executivo, casado e com dois filhos, começou a usar saias regularmente. “Sentia-me mais confortável”, diz. Foi este gosto e a descoberta, na Internet, de outras pessoas com hábitos semelhantes, que o levaram à presidência da associação Homme en Jupe (homem de saia), que reclama o direito dos homens usarem saia.

 “ L u t a m o s contra os preconceitos, o sexismo e a discriminação. Queremos ajudar os homens com dificuldades por causa da roupa e encorajar a comercialização de saias masculinas”, explicou Dominique Moreau. “Tal como as mulheres do pós-guerra, que começaram a usar calças, queremos dispor do nosso corpo”. Até porque há diversas vantagens no uso de saias, diz. São confortáveis e permitem indumentárias mais variadas.

 

 Dominique Moreau explica que o uso da saia “não tem nada de feminino”. Há 500 anos era comum os homens, incluindo os guerreiros, usarem saia. Mas apesar de algumas celebridades com David Beckham terem aparecido em público de capulana e de os estilistas Jean Paul Gaultier, Giorgio Armani e John Galliano desenheram modelos de saias para homens, os preconceitos são muitos. Há quem considere os elementos da Homme en Jupe homossexuais, travestis, perversos e até loucos. Mas são raros os comentários directos.

Em qualquer caso, Dominique, que veste saia duas vezes por semana, fora do horário de trabalho, desvaloriza as críticas: “Os homens já provaram no passado, e ainda provam, que podem ser homens usando saia, tal como as mulheres demonstraram que continuam a ser femininas vestindo calças.”

Comprar uma destas saias, especialmente desenhadas para homens, não é barato – os preços variam entre 100 e 400 euros.

 

Peças tradicionais masculinas

 

Jilaba: Vestimenta comprida e com mangas, tipicamente marroquina. É usada por homens e mulheres, normalmente por cima de outra roupa.

Fustanella: Saia de linho originária dos Balcãs, que se usa por cima do joelho. Faz parte dos trajes tradicionais da Grécia e da Albânia.

Sarangue: De origem malaia, é composto por um pedaço de pano comprido enrolado à cintura, muito semelhante com uma capulana. Em 1998, David Beckham apareceu em público com um.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 10
FracoBom