@Verdade online @Verdade Online - Jornal que está a mudar Moçambique http://www.verdade.co.mz/component/content/frontpage Tue, 30 May 2017 01:28:41 +0000 Joomla! 1.5 - Open Source Content Management pt-pt Moçambola 2017: União Desportiva de Songo perde em Nacala mas termina 1ª volta isolada na liderança http://www.verdade.co.mz/desporto/62294-mocambola-2017-uniao-desportiva-de-songo-perde-em-nacala-mas-termina-1o-volta-isolada-na-lideranca http://www.verdade.co.mz/desporto/62294-mocambola-2017-uniao-desportiva-de-songo-perde-em-nacala-mas-termina-1o-volta-isolada-na-lideranca A União de Desportiva de Songo terminou a 1ª volta do Campeonato Nacional de futebol com uma derrota, diante do Ferroviário de Nacala, mas ainda assim mantém a liderança isolada porém agora só com mais 2 pontos do que o Costa do Sol que foi a Quelimane vencer o 1º de Maio. A Liga Desportiva caiu da 3ª posição, após ser goleada em casa pela ENH FC de Vilanculo, e foi ultrapassada pelos “locomotivas” de Maputo que voltaram às vitórias.

Decididamente os “hidroeléctricos” não se dão bem com os ares da cidade portuária de Nacala, na segunda deslocação que fizeram ao campo da Bela Vista deixaram mais 3 pontos. Apoiada pelo seu público a equipa treinada por “Zulu” entrou de peito, começou por travar os pupilos de Chinquinho Conde e depois do intervalo mostraram quem manda em Nacala.

Nito de cabeça abriu o marcador no minuto 57. Com um míssil à entrada da área Mário restabeleceu a igualdade mas Marrufo, na transformação de uma grande penalidade a castigar mão a bola, sentenciou a vitória mesmo no minuto final e coloca os “locomotivas” de Nacala na 5ª posição.

A “morder” os calcanhares do líder estão os “canarinhos” de Maputo que neste domingo viajaram para a capital da Zambézia e conquistaram 3 importantes pontos, graças a um golo solitário de Chico no oitavo minuto do jogo.

Na Matola os “muçulmanos” prolongaram o seu jejum caseiro, nesta 15ª jornada, com uma goleada protagonizada pelos “hidrocarbonetos”, que parecem começar a jogar como João Chissano pretende, e caíram do 3º lugar.

A Liga Desportiva até não fez um mau jogo mas a eficácia dos adversários foi decisiva, cinco remates para a baliza e três golos. O primeiro foi marcado aos 27 minutos por Evanga com um remate cruzado pé direito.

Já na 2ª parte Rachid, primeiro com pé direito e depois de cabeça, fez o resultado que distanciou os representantes da “terra da boa gente” da zona de despromoção.

A derrota da Liga foi aproveita da pelo Ferroviário de Maputo que em casa voltou as vitórias diante dos “estudantes” de Lichinga mercê dos dois golos de Chiza.

Com novo fôlego parece estar o campeão nacional que no seu campo renovado, e aprovado pela CAF, golearam a Associação Desportiva de Macuacua numa espécie de jogo treino para o compromisso da “champions” da próxima semana.

O reforço vindo do Zimbabwe, Feremba, abriu o placar no “caldeirão do Chiveve. Mambucho de penalti aumentou e um bis do capitão Maninho garantiram a vitória tranquila da equipa de Aleixo Fumo que com menos duas partidas está a 12 pontos do topo do Moçambola 2017.

A última jornada da 1ª volta fica no entanto marcada por mais uma aventura protagonizada pelas Linhas Aéreas de Moçambique que ditou o adiamento de dois jogos.

A caminho do Chibuto os “fabris” da manga que saíram do Chimoio na sexta-feira(26) ficaram pendurado numa escala técnica em Pemba. O avião onde seguiam ficou avariado e os atletas e equipa técnica passaram a noite de sábado para domingo ao relendo diante do aeroporto de Pemba, a companhia aérea de bandeira não disponibilizou acomodação nem alimentação como a lei manda.

Também em terra, só que em casa, ficaram os “tricolores” que deveriam ter voado para Nampula.

A Liga de Clubes, apesar do sofrimento dos atletas do Textáfrica, agendou para esta segunda-feira(29) o jogo contra o Clube de Chibuto e rematou para quarta-feira(31) a partida entre o Ferroviário de Nampula e o Maxaquene.

Eis as resultados incompletos da 15ª jornada:

Ferroviário da Beira 4-0 AD Macuacua

Chingale de Tete 1-1 Desportivo de Nacala

Ferroviário de Maputo 2-0 UP Lichinga

Liga Desportiva de Maputo 0-3 ENH FC de Vilanculo

1º de Maio de Quelimane 0-1 Costa do Sol

Ferroviário de Nacala 2-1 União Desportiva de Songo

 

A classificação está assim ordenada, provisoriamente:


CLUBES J V E D BM BS P
União Desportiva do Songo 15 10 2 3 21 9 32
Costa do Sol 15 9 3 3 18 8 30
Ferroviário de Maputo 15 8 3 4 17 12 27
Liga Desportiva de Maputo 15 7 4 4 23 17 25
Ferroviário de Nacala 15 6 4 5 10 11 22
Ferroviário da Beira 13 5 5 3 20 13 20
Desportivo de Nacala 15 4 8 3 10 8 20
Ferroviário de Nampula 14 4 7 3 13 10 19
ENH FC de Vilanculo 15 4 6 5 19 17 18
UP Lichinga 15 5 3 7 9 12 18
11º Clube de Chibuto 14 4 5 5 12 15 17
12º 1° de Maio de Quelimane 15 3 6 6 12 18 15
13º Maxaquene 14 3 5 6 12 15 14
14º Textafrica de Chimoio 13 3 3 7 11 20 12
14º AD Macuacua 15 2 6 7 9 20 12
16º Chingale Tete 14 2 4 8 10 21 10
]]>
averdademz@gmail.com (Adérito Caldeira) frontpage Mon, 29 May 2017 05:41:50 +0000
Trancadas em casa, crianças morrem carbonizadas na Matola http://www.verdade.co.mz/newsflash/62291-trancadas-em-casa-criancas-morrem-carbonizadas-na-matola- http://www.verdade.co.mz/newsflash/62291-trancadas-em-casa-criancas-morrem-carbonizadas-na-matola- Duas crianças, das quais uma de sete anos de idade e outra de um ano, morreram carbonizadas, na semana finda, no bairro da Matola-Gare, no posto Administrativo da Machava, município da Matola.

A tragédia aconteceu na noite da última quinta-feira (25). Segundo alguns familiares e vizinhos, após o jantar, pouco depois das 18h00, a mãe das malogradas deslocou-se para a casa de um parente próximo, onde supostamente ia conversar, deixando as filhas sozinhas, com a porta trancada.

Na altura, o pai das malogradas estava a trabalhar, pois fazia turno da noite, mas teve de interromper o expediente e regressar à casa. Inconsolável, nenhuma palavra saiu da sua boca devido à dor de perder as duas filhas de uma só vez de forma trágica.

Também desesperada, a senhora não conseguia explicar o que poderá ter causado o incêndio.

A habitação em causa está ainda em construção e a família dormia num dos quartos, por sinal o que se incendiou. Tentativas de salvar as miúdas redundaram em fracasso, pois estando a porta trancada, ninguém conseguiu deitá-la a baixo a tempo.

Ainda de acordo com os vizinhos, volvida pouco mais de hora e meia depois de a senhora ter estado no domicílio do seu familiar, que dista a menos de 200 metros do local do incidente, foi informada de que a sua residência estava em chamas intensas.

A vizinhança mostrou-se agastada com a situação e atribuiu responsabilidades à progenitora das vítimas, uma vez que, no seu entender, ela não podia ter deixado as filhas sozinhas em casa com a porta trancada.

Enquanto isso, no sábado (27), na cidade de Maputo, um jovem morreu electrocutado na sua própria residência quando supostamente pretendia efectuar uma ligação clandestina a partir de um quadro de energia eléctrica. Supõe-se que ele pretendia consumir a corrente ilegalmente.

Na circunstância, o finado estava na companhia de uma criança, a qual alertou os vizinhos sobre a ocorrência. Chegados ao local da tragédia, o malogrado estava estatelado no chão e com alguns fios envoltos ao corpo.

]]>
averdademz@gmail.com ({ga=redaccao}) frontpage Mon, 29 May 2017 05:37:50 +0000
Camião atropela mortalmente um jovem no Chimoio http://www.verdade.co.mz/newsflash/62293-camiao-atropela-mortalmente-um-jovem-no-chimoio http://www.verdade.co.mz/newsflash/62293-camiao-atropela-mortalmente-um-jovem-no-chimoio Um cidadão de aparentemente 30 anos de idade, cuja identidade não apurámos, perdeu a vida na noite de sábado (27), na cidade de Chimoio, província de Manica, em consequência de um acidente de viação do tipo atropelamento.

O sinistro deu-se na Estrada Nacional número 6 (EN6) e foi presumivelmente causado por um camião de grande tonelagem, o qual segundo testemunhas circulava a uma velocidade normal.

A Polícia da República de Moçambique (PRM) em Manica disse ser prematuro avançar as causas do sinistro, alegadamente porque o caso estava em averiguação.

Contudo, uma testemunha ocular disse ao @Verdade, telefonicamente, que a vítima estava supostamente embriagada e encontrou a morte ao tentar atravessar a estrada, cambaleando.

Refira-se que, na última quinta-feira (25), outras 15 pessoas ficaram ligeira e gravemente feridas em resultado de um acidente de viação envolvendo um transporte de passageiros, que fazia o percurso cidade de Nampula/distrito de Murrupula.

O carro no qual as vítimas viajavam embateu violentamente contra um outro que na altura se encontrava a efectuar manobras à retaguarda.

As autoridades policiais disseram que o sinistro, ocorrido na zona de subestação, na Estrada Nacional número 1 (EN1), resultou do excesso de velocidade.

]]>
averdademz@gmail.com ({ga=redaccao}) frontpage Mon, 29 May 2017 05:40:28 +0000
Polícia moçambicana detém suspeitos de cometer assaltos e prática de câmbio informal http://www.verdade.co.mz/newsflash/62292-policia-mocambicana-detem-suspeitos-de-cometer-assaltos-e-pratica-de-cambio-informal http://www.verdade.co.mz/newsflash/62292-policia-mocambicana-detem-suspeitos-de-cometer-assaltos-e-pratica-de-cambio-informal Pelo menos 10 indivíduos, entre eles uma mulher, encontram-se privados de liberdade nas províncias de Manica, Zambézia e Cabo Delgado, indiciados de prática de câmbio informal, assalto a residências e falsificação de documentos.

No caso de Manica, trata-se de três jovens, dos quais uma rapariga, que estão a ver o sol aos quadradinhos por alegada prática de assaltos em residências.

Na posse dos visados, a Polícia da República de Moçambique (PRM) em Quelimane recuperou vários computadores portáteis.

A rapariga assumiu o seu envolvimento nos roubos e disse que a sua função era ficar do lado de fora das casas invadidas a vigiar a movimentação de transeuntes e caso alguma coisa corresse mal alertava o namorado.

Por sua vez, o jovem denunciado, que de acordo com a Polícia é pela segunda vez que é preso, alegou que enveredou pelo mundo do crime devido ao desemprego.

O último assalto que protagonizou a ponto de cair nas mãos dos agentes da Lei e Ordem foi por volta das 23h00. Era constante cometer tal acto ilícito e a primeira vez esteve encarcerado por se apoderar do dinheiro da sua própria mãe.

Em Montepuez, na província de Cabo Delgado, um cidadão caiu nas mãos da Polícia, acusado de falsificação de bilhete de identidade.

Sobre este caso, Alberto Sumbane, porta-voz da Direcção Nacional de Identificação Civil (DNIC), explicou que o visado nasceu em Moçambique, de pai ganbiano e mãe moçambicana.

Todavia, aquando do seu nascimento não foi registado no país e nunca teve um documento de identificação moçambicano, mas sim, da Gâmbia.

Volvido algum tempo, por vontade própria, decidiu vir a Moçambique, onde obteve um bilhete de identidade por vias ilegais, disse Sumbane.

Na cidade de Maputo, um outro cidadão foi preso por envolvimento numa tentativa de levantar dinheiro um estabelecimento bancário com recurso a um bilhete de identidade falso, obtido através de um scanner.

Em Manica, cinco indivíduos caíram nas mãos da Polícia de Guarda Fronteira, por alegada prática de câmbio ilegal.

Os incriminados, que supostamente não sabiam que a actividade por si praticada consubstancia um crime, foram neutralizados na fronteira de Machipanda, na posse de dólares norte-americano, zimbabweano e rands, que em metical corresponde a mais de 354 mil meticais, disse a PRM em Manica.

]]>
averdademz@gmail.com ({ga=redaccao}) frontpage Mon, 29 May 2017 05:39:06 +0000
Tomo expõe "Percepções das Esquinas" http://www.verdade.co.mz/economia/62290-tomo-expoe-qpercepcoes-das-esquinasq http://www.verdade.co.mz/economia/62290-tomo-expoe-qpercepcoes-das-esquinasq Fim de SemanaEstá patente, até ao dia 16 de Junho próximo na galeria Kulungwana, na Estação Central dos CFM, em Maputo, a mais recente exposição do artista plástico Tomo, intitulada “Percepções das Esquinas”, que conta com o apoio do Standard Bank.

A exposição, inaugurada na última quinta-feira, 25 de Maio, é constituída por 10 quadros, alguns dos quais pintados com recurso a uma técnica mista, com a utilização de "collages" com fragmentos de figuras, objectos e elementos escritos, portadores de reflexões que o artista exterioriza relativamente ao mundo imediato que o cerca.

Segundo o artista, “Percepção das Esquinas” é uma forma de despertar as pessoas para a necessidade de se prestar atenção às esquinas, pois, no fim das contas, elas é que formam a cidade.

“Podemos até não perceber quando estamos na rua, mas há uma dinâmica muito envolvente das pessoas, viaturas, etc. Mas essa movimentação não se limita a isso. As pessoas usam as esquinas como pontos de referência, por exemplo. E é disso que a nossa vida é feita”, explicou o artista, que agradeceu o apoio do Standard Bank para a realização desta exposição.

“É louvável o apoio do Standard Bank, que engrandece a nossa cultura. O movimento cultural do País devia ser consequência deste tipo de iniciativas, que fazem os artistas se sentirem valorizados e estimulados a produzir”, considerou Tomo.

Por seu turno, o director de Operações do Standard Bank, Alfredo Lemos, explicou que o apoio a esta exposição resulta do facto de o banco ter feito, recentemente, uma revisão à sua política de patrocínios e responsabilidade social, tendo acrescentado a cultura aos pilares da educação, saúde e desporto.

Nesse contexto, Alfredo Lemos referiu que “o Standard Bank apoiou, pela primeira vez, em 2016, a realização do IX Festival Nacional de Cultura e o lançamento do último trabalho discográfico do guitarista moçambicano Jimmy Dludlu”.

Esta é a segunda vez que o banco apoia a realização de uma exposição, tendo a primeira sido em 2014, alusiva aos 50 anos de carreira do artista plástico Samate Mulungo.

Tomo, nome artístico de Bernardo Carrula Tomo, nasceu em Maputo e começou a interessar-se pela música nos anos 70, tendo actuado em diversos locais de entretenimento da cidade de Maputo. Foi professor durante vários anos e em 1982, fascinou-se pelo desenho e começou a pintar. Expõe desde 1990 e já participou em muitas exposições colectivas em África e na Europa, assim como em workshops nacionais e internacionais.

Obteve o prémio de pintura na Bienal TDM de 1999, e o segundo lugar na edição de 2001, assim como o segundo lugar na Anual do Musart, também em 2001.

Realizou uma exposição individual em 2005, no Núcleo de Arte, agremiação de que já foi secretário-geral. A quarta e a quinta exposições individuais tiveram, respectivamente, como títulos “Janela do Mendigo” e “Índico”, tendo a última sido realizada na Suiça.

]]>
averdademz@gmail.com ({ga=publicidad}) frontpage Mon, 29 May 2017 05:35:13 +0000
@Verdade Editorial: Uma PGR movida por bajulação http://www.verdade.co.mz/opiniao/editorial/62276-verdade-editorial-uma-pgr-movida-por-bajulacao http://www.verdade.co.mz/opiniao/editorial/62276-verdade-editorial-uma-pgr-movida-por-bajulacao Desde há algum tempo, os moçambicanos têm se mostrado bastante inquietos relativamente às dívidas ilegalmente contraídas sem o aval do Estado que, posteriormente, foram transformadas em dívidas públicas pelos insensíveis de costume: a Frelimo. A maior preocupação do povo moçambicano é que sejam responsabilizados os indivíduos envolvidos nesta que é considerada uma das maiores trapaças da história de Moçambique.

Devido à dimensão da situação, não restam sombras de dúvidas que os arquitectos desse roubo que colocou a população no pior aperto financeiro de sempre devem ser severamente punidos. É o papel e a obrigação da Procuradoria-Geral da República (PGR) desenvolver iniciativas para que isso aconteça. Mas, de algum tempo para cá, temos vindo a assistir a uma PGR bastante politizada, sem agenda e, acima de tudo, bajuladora do partido Frelimo.

Só para se ter uma ideia, desde que foram descobertas as dívidas ilegais, tem circulado inúmeros documentos supostamente falsos, sobretudo nas redes sociais, relacionadas com as dívidas. Foram postas a circular a suposta lista de individualidades sobre quem a PGR pediu o levantamento do sigilo bancário e um ofício da PGR no qual a Procuradora-Geral da República agradecia a Embaixada da Suécia pelo apoio financeiro à auditoria. Nos referidos documentos aponta- -se o nome do Presidente da República, Filipe Nyusi.

O mais caricato nessa situação toda é que a PGR, uma instituição que se devia ocupar de assuntos que efectivamente preocupam sobremaneira os moçambicanos como, por exemplo, o pagamento das dívidas ilegais e inconstitucionais da EMATUM, Proindicus e MAM, tem estado a empreender esforços para desmentir estes supostos boatos. Primeiro, em comunidado, decidiu condenar o acto que apelido de “manchar o nome do Chefe de Estado” e, depois, numa outra situação, em alvoroço, convocou à Imprensa para informar que está em curso uma investigação com vista a identificação dos autores dos supostos documentos falsos.

Na verdade, todas essas acções não passam de um exercício vergonhoso de bajulação protagonizada pela Procuradoria- -Geral da República, pois o país enfrenta situações sérias que merecem tempo e atenção da PGR. A título de exemplo, a corrupção que se enraíza e ganha o rosto de normalidade nas instituições públicas, aos assassinatos e sequestros que acontecem sob o olhar impávido e sereno das autoridades policiais, o enriquecimento ilícito, entre outros crimes, têm estado a ganhar espaço.

Porém, diante de toda esta situação anómala que tira o sono aos moçambicanos, os nossos digníssimos servidores públicos optam, deliberadamente, procurar nas redes sociais se foi ou não manchado o “bom” nome de uma figura que é por todos sabido que é um dos arquitectos das dívidas ilegais. Portanto, a imagem que a PGR tem estado a passar é de que se trata de uma Procuradoria dos interesses dos governantes e da Frelimo, contra os interesses da República.

]]>
averdademz@gmail.com ({ga=redaccao}) frontpage Fri, 26 May 2017 07:59:29 +0000
Beneficiando 700 mil habitantes em 30 localidades: Governo investe 430 milhões de meticais na expansão das telecomunicações http://www.verdade.co.mz/economia/62289-beneficiando-700-mil-habitantes-em-30-localidades-governo-investe-430-milhoes-de-meticais-na-expansao-das-telecomunicacoes http://www.verdade.co.mz/economia/62289-beneficiando-700-mil-habitantes-em-30-localidades-governo-investe-430-milhoes-de-meticais-na-expansao-das-telecomunicacoes Fim de SemanaO Governo moçambicano, através do Fundo de Acesso Universal (FUSAU) vai investir, no presente ano, cerca de 430 milhões de meticais na expansão da rede de telecomunicações para 30 localidades do País. A medida visa permitir acesso a telecomunicações a cerca de 700 mil habitantes.

Conforme revelou o ministro dos Transportes e Comunicações, Carlos Mesquita, foi no quadro do exercício do seu papel social que o Governo decidiu criar o FSAU, que tem por objectivo materializar o acesso universal das telecomunicações no País.

Trata-se de um mecanismo comparticipado pelos operadores de telecomunicações em Moçambique, que visa financiar programas e projectos de telecomunicações em áreas não economicamente viáveis, de acordo com a explicação do ministro.

Aliás, Carlos Mesquita assumiu que a decisão de se criar este fundo prende-se, igualmente, com o facto de se reconhecer que, em Moçambique, apesar de o mercado das telecomunicações ser promissor, “precisa crescer de forma harmoniosa, observando o direito universal de acesso às comunicações a todos os cidadãos”.

Para além deste investimento de 430 milhões de meticais só para o ano de 2017, o ministro revelou, por outro lado, que “decorrem, igualmente, trabalhos com vista à edificação de seis telecentros, unidades de acesso e difusão do serviço das comunicações nas comunidades”.

O governante fez estes pronunciamentos durante a celebração, em Maputo, do quinto aniversário de operações da Movitel, acontecimento sobre o qual Carlos Mesquita considera tratar-se da melhor decisão tomada pelo Governo.

“A decisão de atribuir a terceira licença ao operador de telefonia móvel, em 2010, foi fundamentada por estudos consistentes, que apontavam para um potencial do mercado que, volvidos cinco anos desde a sua entrada em funcionamento, temos o orgulho de afirmar que foi a melhor decisão que tomamos, dados os feitos da operadora e a resposta positiva do mercado”, assumiu.

O embaixador da República Socialista do Vietname em Moçambique, Nguyen Van Trung, que também discursou no evento, assegurou, por sua vez, que a relação de muitos anos, mantida pelos dois países, sempre foi afectuosa e de cooperação, com destaque para o apoio prestado pelo Vietname à luta de libertação nacional.

“Quando Moçambique alcançou a independência, há 42 anos, a República Socialista do Vietname também alcançou a sua unificação nacional, o que abriu uma era de paz e de desenvolvimento”, disse Nguyen Van Trung, acrescentando que, actualmente, aquele país asiático continua a acompanhar o nosso País no caminho do desenvolvimento, afim de trazer prosperidade e felicidade para o povo moçambicano.

O embaixador referiu, ainda, que os dois países continuam a cooperar em áreas como agricultura, educação e saúde, sendo que, desde 2012, o Vietname tem investido na área das telecomunicações através da Movitel.

“Este é, para já, o mais importante e significativo investimento do Vietname em Moçambique. Reconhecemos que, volvidos cinco anos de operação, a Movitel registou grandes progressos, contando actualmente com cerca de dois mil funcionários e cinco milhões de clientes”, revelou o embaixador da República Socialista do Vietname em Moçambique.

]]>
averdademz@gmail.com ({ga=publicidad}) frontpage Mon, 29 May 2017 05:30:06 +0000
“Caldeirão do Chiveve” aprovado para a Liga dos Campeões http://www.verdade.co.mz/desporto/62272-caldeirao-do-chiveve-aprovado-para-a-liga-dos-campeoes http://www.verdade.co.mz/desporto/62272-caldeirao-do-chiveve-aprovado-para-a-liga-dos-campeoes O campeão nacional de futebol vai poder, enfim, receber no seu relvado, na cidade da Beira, as duas partidas que ainda tem para realizar como anfitrião na Liga do Campeões Africanos, no próximo dia 3 de Junho recebe o El Merreikh do Sudão.

A Confederação Africana de Futebol(CAF), na sequência das inspecções realizadas nos dias 20 21 de Maio, aprovou as melhorias efectuadas ao campo do Ferroviário da Beira e já remarcou a partida da 3ª jornada da “champions”, que estava inicialmente agendada para o estádio nacional do Zimpeto em Maputo.

Com uma derrota e um empate os “locomotivas” da Beira ocupam a última posição do grupo A com os mesmos pontos do El Merreikh, todavia com pior saldo de golos, por isso só a vitória interessa a equipa de Aleixo Fumo.

O grupo é comandado pelo Étoile Sportive du Sahel da Tunísia com 6 pontos, seguido pelo El Hilal do Sudão com 2 pontos.

Apuram-se para os quartos-de-final os dois primeiros classificados de cada um dos quatro grupos.

]]>
averdademz@gmail.com ({ga=redaccao}) frontpage Fri, 26 May 2017 06:16:18 +0000
Treze pessoas morrem em acidentes de viação em Moçambique http://www.verdade.co.mz/motores/62271-treze-pessoas-morrem-em-acidentes-de-viacao-em-mocambique http://www.verdade.co.mz/motores/62271-treze-pessoas-morrem-em-acidentes-de-viacao-em-mocambique Pelo menos 13 pessoas morreram e outras 44 contraíram ferimentos, das quais 26 com gravidade, em consequência de 27 acidentes de viação, registados de 13 a 19 de Maio em curso, em Moçambique.

Em igual período do ano passado, 24 sinistros rodoviários deixaram 32 óbitos, 16 feridos graves e 54 ligeiros.

No que diz respeito às causas, dos 27 acidentes da semana finda, 16 resultaram do excesso de velocidade, sete da má travessia de peão, dois do cruzamento irregular, um da ultrapassagem irregular e igual número de deficiências mecânicas.

Dos mesmos sinistros, 16 foram do tipo atropelamentos, cinco despistes e capotamento, entre outros.

Na tentativa de impor disciplina na via pública, com vista a evitar o derramamento de sangue e luto, a Polícia de Trânsito (PT) fiscalizou 40.090 viaturas, das quais apreendeu 270 por diversas irregularidades, bem como 67 livretes.

Foram igualmente multados 5.167 automobilistas por violação das regras de trânsito, confiscadas 892 cartas por conduzirem sob efeito de álcool e cinco indivíduos detidos por condução ilegal.

Enquanto isso, numa outra operação, a Polícia apreendeu quatro pistolas e 17 munições para estes instrumentos bélicos, 12.920 quilogramas de cannabis sativa, vulgo soruma, entre outras realizações.

Aliás, no município da Matola, um cidadão está a contas com a PRM, acusado de consumo e venda de soruma. O visado foi detido no bairro Fomento e consta que ele vendeu a referida droga a alguns alunos, menores de idades, da Escola Secundária 4 de Outubro.

]]>
averdademz@gmail.com ({ga=redaccao}) frontpage Fri, 26 May 2017 06:00:33 +0000
Indivíduos armados ferem gravemente um cidadão em Tete http://www.verdade.co.mz/newsflash/62270-individuos-armados-ferem-gravemente-um-cidadao-em-tete http://www.verdade.co.mz/newsflash/62270-individuos-armados-ferem-gravemente-um-cidadao-em-tete Sete homens munidos de armas de fogo e instrumentos contundentes feriram gravemente, à catana, um produtor de tabaco, na quarta-feira (14), no distrito de Macanga, província de Tete.

O crime aconteceu de madrugada na comunidade de Chidzolomondo e o homem escapou da morte por um golpe de sorte, dada a gravidade dos ferimentos contraídos na cabeça e nos membros inferiores, apurou o @Verdade.

Os supostos bandidos apoderam-se também de mais de 500 mil meticais da vítima, alegadamente provenientes da receita da venda de tabaco.

Sobre este assunto, o @Verdade contactou, na tarde desta quinta-feira (25), Lurdes Ferreira, porta-voz do Comando Provincial da Polícia da República de Moçambique (PRM), tendo ela alegado que precisava ainda de mais dados para se pronunciar com profundidade. E prometeu fazê-lo nesta sexta-feira (26).

Enquanto isso, ainda na madrugada de quarta-feira, no bairro George Dimitrov, vulgo Benfica, na capital moçambicana, um grupo de malfeitores munidos de instrumentos contundentes assaltaram um estabelecimento comercial e apoderaram-se de diversos bens.

]]>
averdademz@gmail.com ({ga=redaccao}) frontpage Fri, 26 May 2017 05:59:46 +0000