Inspecção do Trabalho desmantela 25 trabalhadores estrangeiros na Beira PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Destaques - Economia
Escrito por Redação   
Segunda, 20 Outubro 2014 16:11

Acções inspectivas levadas a cabo, nos últimos dias, pela Inspecção-Geral do Trabalho (IGT) na província de Sofala, culminaram com a suspensão de 25 cidadãos estrangeiros de diferentes países, que se encontravam a trabalhar ilegalmente em Moçambique, sobretudo em violação dos nºs 04 e 05 do artigo 31, conjugados com o nº 01 do artigo 267, da Lei do Trabalho (Lei nº 23/2007, de 01 de Agosto), para além da falta de cumprimento na aplicação das normas relativas à contratação da mão-de-obra estrangeira, nomeadamente sobre o Decreto 55/2008, de 30 de Dezembro, e o Decreto 63/2011.

Actualizado em Segunda, 20 Outubro 2014 16:42
Continuar...
 
Banco Tchuma vai vender 45 porcento das suas acções à Geocapital PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Destaques - Economia
Escrito por Coutinho Macanandze   
Quinta, 16 Outubro 2014 16:27

Os trabalhadores do Banco Tchuma S.A., que há anos se queixam de situações tais como rescisão de contratos por razões supostamente não especificadas e sem uma informação prévia aos visados, não concessão de créditos aos clientes e falta de revisão de salários, protagonizados pelos seus gestores, podem ver os problemas de que se queixam ultrapassados, em resultado de a Sociedade de Investimento Geocapital estar interessada em adquirir 45 porcento das acções daquele banco moçambicano.

Actualizado em Sexta, 17 Outubro 2014 16:00
Continuar...
 
Banqueiros moçambicanos dão boas-vindas ao recurso cartel PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Destaques - Economia
Escrito por Correio da Manhã   
Segunda, 13 Outubro 2014 13:21

A Associação Moçambicana de Bancos (AMB) considera “bem-vinda” a oficialização do uso de cartel na definição das taxas de juro a cobrar pelos empréstimos bancários no país, segundo José Mussane, secretário-geral daquela agremiação.

Actualizado em Segunda, 13 Outubro 2014 16:02
Continuar...
 
Algodão rende cerca de USD 21,2 milhões no 1º semestre de 2014 PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Destaques - Economia
Escrito por Correio da Manhã   
Segunda, 13 Outubro 2014 13:15

Moçambique encaixou cerca de USD 21,2 milhões em receitas de exportações de algodão-fibra para os mercados da União Europeia (UE), Ásia e Ilhas Maurícias, ao longo do primeiro semestre do presente ano de 2014.

Actualizado em Segunda, 13 Outubro 2014 15:55
Continuar...
 
USD 2,2 biliões para modernizar o Corredor Logístico de Maputo PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Destaques - Economia
Escrito por Correio da Manhã   
Quinta, 09 Outubro 2014 13:59

O projecto de modernização do Corredor Logístico de Maputo deverá consumir cerca de USD 2,2 mil milhões, montante a ser injectado pela empresa pública Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique (CFM) em parceria com a sociedade privada concessionária do Porto de Maputo-MPDC.

Actualizado em Quinta, 09 Outubro 2014 15:49
Continuar...
 
<< Início < Anterior 311 312 313 314 315 316 317 318 319 320 Seguinte > Final >>

Pág. 311 de 332
  • CIDADÃO REPORTA:
    No distrito de Meconta-provincia de Nampula em Mocambique, na xcola secundaria de Namialo, os professores, nao recebem suas horas extras ha 1 ano e um mes e saindo algum colectivo da xcola a direcao provincial das financas, dizem terem pago os ordenados e por sua vez o director distrital dizia que nao houve nenhum despacho e neste momento estao paralizadas as aulas!
  • CIDADÃO REPORTA:
    estou num fematro que sai da baixa para Albazine, o motorista acelera demais toda gente que se encontra aqui esta reclamando (escesso de velocidade) em Maputo.
  • CIDADÃO Pedro B. Langa REPORTA:
    Pedro B. Langa, Maputo. Enquato nao tivermos a coragem de ariscar em eleger o outro partido para governar o pais, vamos continuar a sofrer humilhacoes da Frelimo onde um tem 5 4x4 e o pobre nao sabe o que vai comer durante o dia. Nhancale o verdadeiro xiconhoca
  • CIDADÃO Leo REPORTA:
    está um corpo de uma mulher sem vida atrás do prédio onde vivo, vi o corpo por volta das 8 horas e até agora não vieram remover o corpo, a vizinhança já sabe disso comunicaram a policia e simplesmente vieram tapar o corpo com uma capulana e foram embora. O corpo,está na parte de trás de um prédio no bairro do Jardim, em Maputo, rua do jardim próximo a ponte da av. de Moçambique defronte a av. Joaquim Chissano.
Quer receber a nossa Newsletter diária com artigos escolhidos pelo editor no seu INBOX?
http://www.Auto-Doc.PT
 

@Verdade Newsletter

Quer receber diariamente no seu email a nossa edição em formato PDF? Preencha o seguinte formulário:
Irá receber um email com uma ligação para confirmar a sua subscrição. Caso não visualize o email no seu inbox confira na caixa spam.