Faixa publicitária
Em Maputo: Assinalado o Dia Mundial do Design de Interacção
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Economia
Escrito por www.fimdesemana.co.mz  em 26 Setembro 2019 (Actualizado em 27 Setembro 2019)
Share/Save/Bookmark

Perto de 60 designers de soluções digitais e estudantes interessados em design de interacção reuniram-se, terça-feira, 24 de Setembro, em Maputo, para celebrar o Dia Mundial de Design de Interacção, demonstrando como o design pode contribuir para a melhoria da condição humana.

O evento, promovido pela IXDA Maputo, em parceria com a Incubadora de Negócios do Standard Bank, decorreu sob o tema “Confiança e Responsabilidade”, no formato de um painel, com três oradores e um moderador, nomeadamente Cláudio Banze, director de Tecnologias de Informação no Standard Bank, Victor Mourana, representante da Microsoft, Rui Cossa, representante da M-pesa (Vodafone) e Guidione Machava, como moderador.

Com esta iniciativa, os designers de interacção pretendem assumir um impacto positivo e duradouro na sociedade, facilitando actividades que apoiam o diálogo e os resultados, pois a “Confiança e Responsabilidade” têm a ver com o uso ético e correcto de tecnologias digitais, por causa do impacto que têm na vida das pessoas no seu quotidiano.

Com efeito, os membros do painel incidiram as suas intervenções, explicando o significado prático da “Confiança e Responsabilidade”, bem como a maneira como as pessoas podem estar conscientes dos processos que se usam no desenvolvimento de softwares e terem consciência sobre o seu impacto na vida.

Abordado momentos após o encontro, Cláudio Banze referiu que o objectivo era o debater vários temas atinentes ao design para perceber quais são as tendências: “Debruçámo-nos fundamentalmente sobre a questão da responsabilidade. Como é que nós, como organizações de grande dimensão, incorporamos o design de interacção nas soluções que criamos para os nossos clientes, sobretudo como temos garantido responsabilidade em relação ao seu impacto”, explicou.

Num outro desenvolvimento, Cláudio Banze considerou que a plataforma foi uma experiência muito boa, tendo constituído uma oportunidade para interagir com colegas de outras áreas: “Serviu para aprender um pouco mais sobre as tendências e fazer uma reflexão muito profunda sobre como é que nós podemos, naquilo já estamos a fazer, melhorar ainda mais. Por exemplo, alguns participantes quiseram saber como é que nós validamos se as soluções que desenvolvemos correspondem aos anseios dos nossos clientes. São aspectos que considero como oportunidades para melhoria”, sustentou.

O Dia Mundial do Design de Interacção é um evento anual durante o qual os designers, em várias partes do mundo, se reúnem co

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom