Faixa publicitária
Pagamento da dívida externa agravado em 71% até 2013
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Economia
Escrito por Redação  em 08 Novembro 2011

O serviço da dívida pública externa moçambicana deverá agravar-se em cerca de 71%, até 2013, na rubrica de capital devido ao térrmino de períodos de graça de alguns empréstimos. O mesmo verifica-se em relação aos juros que aumentarão em 39%, no mesmo período, passando de 68 milhões de dólares norte-americanos, em 2009, para 109 milhões de dólares, em 2013, “mantendo- se, contudo, a níveis sustentáveis”, segundo a Direcção Nacional do Tesouro do Ministério das Finanças.

Segundo também apurou o jornal Correio da Manhã, na rubrica de capital, Moçambique deverá pagar, em 2011, o correspondente a 58,6 milhões de dólares, aumentando para 75,7 milhões de dólares norte-americanos, em 2012, para, em 2013, serem desembolsados cerca de 80 milhões de dólares, igualmente na rubrica de capital da dívida externa moçambicana.

Em juros, em 2011, o serviço de dívida será de 27,7 milhões de dólares, incrementando, em 2012, para 30,2 milhões de dólares e baixando ligeiramente para 29,4 milhões de dólares, em 2013, de acordo ainda com a mesma instituição. Em 2008, Moçambique pagou cerca de 49,65 milhões de dólares norte-americanos da dívida externa moçambicana e nas rubricas capital e juros, enquanto no concernente ao total do serviço da dívida multilateral foram desembolsados também em 2008 cerca de 34,58 milhões de dólares e cerca de 15,07 milhões de dólares do total do serviço da dívida bilateral.

Igualmente em 2008, a dívida externa multilateral era na percentagem de 51%, contra 49% de dívida externa contraída por Moçambique junto a credores bilaterais que são países como Japão, Portugal, Rússia, Bulgária, Argélia, Iraque e Líbia, entre outros países.

Refira-se, entretanto, que a média dos créditos concedidos pelos credores multilaterais é de 18 anos, sendo maior que a média da dívida bilateral que é de 13 anos, contra cinco anos da média da dívida interna. Em 2008, o saldo da dívida externa foi de 3,6 biliões de dólares e 92% deste montante eram pagáveis a longo prazo.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom 
 
Faixa publicitária