Salários crescem 5 a 18 por cento em Moçambique embora comida, água potável e eletricidade tenham aumentado mais de 20 por cento
Escrito por Adérito Caldeira   
Quarta, 25 Abril 2018 08:05

Os salários no Sector Privado e na Função Pública em Moçambique aumentam somente entre 5 a 18 por cento, muito aquém de cobrir o galopante custo de vida que desde o último reajuste registou aumentos em mais de 20 por cento nos preços dos alimentos considerados de 1ª necessidade, da água potável e da electricidade. No entanto, em ano de eleições, o Governo de Filipe Nyusi já anunciou que vai pagar o 13º vencimentos e aumentou o subsídio de funeral em 100 por cento.

Actualizado em Quarta, 25 Abril 2018 10:17
Continuar...
 
Taxas de juro “agiotas” e investimento na Dívida Pública Interna voltam a dar lucro bilionário ao Millenium Bim
Escrito por Adérito Caldeira   
Terça, 24 Abril 2018 07:48

Graças as elevadas taxas de juro que pratica e ao investimento na Dívida Pública Interna o Millenium Bim (MBim) voltou a aumentar os seus lucros, “a margem financeira aumentou 24 por cento, totalizando 11.429 milhões de Meticais em 2017, face aos 9.187 milhões de meticais apurados em 2016”, pode-se ler no Relatório e Contas da segunda maior instituição financeira a operar em Moçambique que enquanto a sua carteira de crédito ao sector produtivo da economia reduziu em mais de 20 por cento aumentou em mais de 250 por centro a compra de Dívida Pública do Estado moçambicano.

Actualizado em Terça, 24 Abril 2018 14:36
Continuar...
 
Ignorando inúmeras irregularidades e ilegalidades deputados da Frelimo aprovam mais uma Conta Geral do Estado
Escrito por Adérito Caldeira   
Segunda, 23 Abril 2018 07:56

Mais uma Conta Geral do Estado (CGE) foi viabilizada pelos deputados do partido Frelimo na Assembleia da República (AR) que preferem ignorar as imensas irregularidades e ilegalidades ao nível do processo orçamental, na execução do Orçamento da receita e da despesa, na fiscalização da indústria extrativa, na gestão do património financeiro e na Dívida Pública que mais uma vez foram constatadas pelo Tribunal Administrativo e admitidas por alguns dos deputados do partido no Poder que lideram a 1ª e 2ª Comissão do Parlamento.

Continuar...
 
Governo de Nyusi alheio a crise porque “sacou” biliões do Orçamento do Estado que usa sem controle do TA e do Parlamento
Escrito por Adérito Caldeira   
Sexta, 20 Abril 2018 08:10

A crise económica e financeira que não pára de esmifrar o povo moçambicano nunca chegou aos dirigentes Superiores de Estado e titulares de Cargos Governativos em Moçambique. Para além dos salários com regalias que não são públicas, dos carros luxo, helicópteros e jatinho pagos com dinheiro do Orçamento do Estado têm a sua disposição biliões de meticais, drenados pelo Governo de Filipe Nyusi antes da suspensão do apoio do Fundo Monetário Internacional, que usam sem a aprovação da Assembleia da República e fora do controle do Tribunal Administrativo.

Actualizado em Sexta, 20 Abril 2018 09:14
Continuar...
 
Procuradora Geral da República vai informar que o processo das dívidas ilegais teve nenhum desenvolvimento
Escrito por Adérito Caldeira   
Quinta, 19 Abril 2018 08:09

ArquivoA Procuradora Geral da República (PGR), Beatriz Buchili, deverá revelar nos próximos dias aos moçambicanos que o processo nº 1/PGR/2015, relativo às dívidas ilegais das empresas Proindicus, EMATUM e MAM, teve quase nenhum desenvolvimento desde o seu último Informe à Assembleia da República (AR) e que o relatório integral da Auditoria da Kroll vai continuar no segredo da justiça... quiçá até depois das Eleições Gerais de 2019!

Continuar...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 9 de 80
  • CIDADÃO REPORTA:
    No distrito de Meconta-provincia de Nampula em Mocambique, na xcola secundaria de Namialo, os professores, nao recebem suas horas extras ha 1 ano e um mes e saindo algum colectivo da xcola a direcao provincial das financas, dizem terem pago os ordenados e por sua vez o director distrital dizia que nao houve nenhum despacho e neste momento estao paralizadas as aulas!
  • CIDADÃO REPORTA:
    estou num fematro que sai da baixa para Albazine, o motorista acelera demais toda gente que se encontra aqui esta reclamando (escesso de velocidade) em Maputo.
  • CIDADÃO Pedro B. Langa REPORTA:
    Pedro B. Langa, Maputo. Enquato nao tivermos a coragem de ariscar em eleger o outro partido para governar o pais, vamos continuar a sofrer humilhacoes da Frelimo onde um tem 5 4x4 e o pobre nao sabe o que vai comer durante o dia. Nhancale o verdadeiro xiconhoca
  • CIDADÃO Leo REPORTA:
    está um corpo de uma mulher sem vida atrás do prédio onde vivo, vi o corpo por volta das 8 horas e até agora não vieram remover o corpo, a vizinhança já sabe disso comunicaram a policia e simplesmente vieram tapar o corpo com uma capulana e foram embora. O corpo,está na parte de trás de um prédio no bairro do Jardim, em Maputo, rua do jardim próximo a ponte da av. de Moçambique defronte a av. Joaquim Chissano.
Quer receber a nossa Newsletter diária com artigos escolhidos pelo editor no seu INBOX?
http://www.Auto-Doc.PT
 

@Verdade Newsletter

Quer receber diariamente no seu email a nossa edição em formato PDF? Preencha o seguinte formulário:
Irá receber um email com uma ligação para confirmar a sua subscrição. Caso não visualize o email no seu inbox confira na caixa spam.