Mega projectos com proveitos de quase 2 biliões de dólares em 2016 não pagaram Royalties nem IVA em Moçambique
Escrito por Adérito Caldeira   
Sexta, 25 Agosto 2017 08:04

Enquanto os moçambicanos são espremidos pelo custo de vida e esmifrados com taxas e impostos o Governo de Filipe Nyusi continua a manter os benefícios fiscais para os mega projectos da Sasol Petroleum Temane, Mozal, Minas de Revuboè, Areias Pesadas de Moma, Jindal Africa, ICVL Benga, Vale Moçambique e Eta Star que durante o ano passado não pagaram nenhum metical de Imposto sobre a sua Produção (Royalty) e nem sequer o Imposto Sobre o Valor Acrescentado(IVA).

Actualizado em Sexta, 25 Agosto 2017 08:49
Continuar...
 
Governo “enterrou” mais meio bilião de meticais nas Linhas Aéreas de Moçambique
Escrito por Adérito Caldeira   
Quinta, 24 Agosto 2017 08:04

A promessa do Presidente Filipe Nyusi de “quebrar o mito” que as Linhas Aéreas de Moçambique são a companhia de bandeira parece não passar de intenção. É que o seu Governo avalizou, mais um, empréstimo de mais de meio bilião de meticais para a empresa restaurar as suas operações e apoiar a tesouraria. Com mais este empréstimo ascende a 5,1 biliões as dívidas das LAM à banca nacional.

Actualizado em Quinta, 24 Agosto 2017 08:23
Continuar...
 
Parcerias Público Privadas não geraram dividendos para o Estado e muitas não pagaram taxa de concessão nem IVA
Escrito por Adérito Caldeira   
Quarta, 23 Agosto 2017 08:11

As 15 Parcerias que o Estado moçambicano tem com privados voltaram a não gerar dividendos para o erário em 2016, pelo segundo ano consecutivo, com excepção da Mozambique Community Network(MCNET). Além disso grande parte destas Parcerias, em que privados gerem serviços e empreendimentos públicos supostamente com mais eficiência e qualidade que o Estado, não pagou taxas de concessão e nem mesmo o Imposto sobre o Valor Acrescentado(IVA).

Actualizado em Quarta, 23 Agosto 2017 08:52
Continuar...
 
Ministro Maleiane apela às Empresas Públicas e Participadas a funcionarem sem recorrerem ao Estado após pagar cerca de 3 biliões em subsídios
Escrito por Adérito Caldeira   
Terça, 22 Agosto 2017 07:37

Foto de Adérito CaldeiraO ministro da Economia e Finanças, Adriano Maleiane, sensibilizou nesta segunda-feira(20) os gestores das Empresas Públicas e Participadas pelo Estado a fazerem o seu salário como “reflexo da produtividade, e eu estarei muito feliz se todas as empresas poderem funcionar sem recorrerem ao subsídio do Estado”. É que só nos últimos dois anos em que tutela o sector Maleiane pagou cerca de 3 biliões de meticais em subsídios às estatais que quase não geram receitas sequer para o seu próprio funcionamento. Muitas dessas empresas não têm contas consolidadas e nem sequer planos de negócios.

Continuar...
 
Indiferente às dívidas ilegais Banco Mundial injectou mais de 94 milhões de dólares este ano no Orçamento do Estado
Escrito por Adérito Caldeira   
Sexta, 18 Agosto 2017 08:49

Foto de Adérito CaldeiraO Banco Mundial continua indiferente às dívidas ilegais da Proindicus e MAM, que levaram a suspensão do apoio directo ao Orçamento do Estado(OE) pelo Fundo Monetário Internacional e outros parceiros de cooperação. Entre Abril e Junho últimos a instituição financeira injectou mais 38,7 milhões de dólares norte-americanos no erário moçambicano que acrescentem aos mais de 55 milhões de dólares norte-americanos transferidos durante o primeiro trimestre de 2017.

Continuar...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 8 de 64
  • CIDADÃO REPORTA:
    No distrito de Meconta-provincia de Nampula em Mocambique, na xcola secundaria de Namialo, os professores, nao recebem suas horas extras ha 1 ano e um mes e saindo algum colectivo da xcola a direcao provincial das financas, dizem terem pago os ordenados e por sua vez o director distrital dizia que nao houve nenhum despacho e neste momento estao paralizadas as aulas!
  • CIDADÃO REPORTA:
    estou num fematro que sai da baixa para Albazine, o motorista acelera demais toda gente que se encontra aqui esta reclamando (escesso de velocidade) em Maputo.
  • CIDADÃO Pedro B. Langa REPORTA:
    Pedro B. Langa, Maputo. Enquato nao tivermos a coragem de ariscar em eleger o outro partido para governar o pais, vamos continuar a sofrer humilhacoes da Frelimo onde um tem 5 4x4 e o pobre nao sabe o que vai comer durante o dia. Nhancale o verdadeiro xiconhoca
  • CIDADÃO Leo REPORTA:
    está um corpo de uma mulher sem vida atrás do prédio onde vivo, vi o corpo por volta das 8 horas e até agora não vieram remover o corpo, a vizinhança já sabe disso comunicaram a policia e simplesmente vieram tapar o corpo com uma capulana e foram embora. O corpo,está na parte de trás de um prédio no bairro do Jardim, em Maputo, rua do jardim próximo a ponte da av. de Moçambique defronte a av. Joaquim Chissano.
Quer receber a nossa Newsletter diária com artigos escolhidos pelo editor no seu INBOX?
http://www.Auto-Doc.PT
 

@Verdade Newsletter

Quer receber diariamente no seu email a nossa edição em formato PDF? Preencha o seguinte formulário:
Irá receber um email com uma ligação para confirmar a sua subscrição. Caso não visualize o email no seu inbox confira na caixa spam.