Em plena crise económica receitas dos casinos cresceram mais de 60 por cento em Moçambique
Escrito por Adérito Caldeira   
Quinta, 07 Junho 2018 07:52

Foto de Adérito CaldeiraDesde que a crise económica iniciou em Moçambique uma das receitas fiscais que consistentemente tem vindo a aumentar é o Imposto Especial sobre o Jogo que incide sobre a actividade dos quatro casinos a operarem no nosso país. “As pessoas vão em busca de um investimento que presumivelmente o retorno é rápido” revelou ao @Verdade o Inspector Geral de Jogos, António Almeida, precisando que só no 1º trimestre de 2018 o crescimento foi de cerca de 45 por cento, comparativamente a igual período do ano passado, entre 2015 e 2017 as receitas aumentaram mais de 60 por cento.

Continuar...
 
Economia de Moçambique estabilizou mas o PIB deverá cair para 3 por cento em 2018 e 2,5 em 2019
Escrito por Adérito Caldeira   
Quarta, 06 Junho 2018 08:24

Gráfico do Fundo Monetário InternacionalO Fundo Monetário Internacional (FMI) assinalou esta segunda-feira (04) que a economia de Moçambique estabilizou no entanto o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) deverá ficar-se por apenas 3 por cento em 2018, contra 5,3 projectados pelo Governo, e cair para 2,5 por cento em 2019. Ari Aisen deixou nas entrelinhas que para a retoma do crescimento económico o nosso país precisa de resolver os assuntos inerentes aos empréstimos ilegais da Proindicus, EMATUM e MAM.

Continuar...
 
Green Resources em “restruturação” continua sem trazer o prometido desenvolvimento à província de Nampula
Escrito por Júlio Paulino   
Terça, 05 Junho 2018 08:08

Foto de Júlio PaulinoCerca de setecentas famílias das comunidades de Meparara, Mesa, Lacheque e Namacucu, no posto administrativo de Ligonha, distrito de Ribáuè, na província de Nampula, continuam a clamar pelas suas machambas que foram usurpadas pela Green Resources Moçambique com a promessa de compensações justas que até hoje não aconteceram. Além disso a “reestruturação” da multinacional norueguesa que produz eucaliptos e pinheiros deixou pelo menos cem trabalhadores no desemprego.

Continuar...
 
Moza Banco também investiu na Dívida Pública para obter lucros com a crise em Moçambique
Escrito por Adérito Caldeira   
Segunda, 04 Junho 2018 08:08

No primeiro exercício económico após ser intervencionado pelo Banco Moçambique e recapitalizado pelo fundo de pensões do banco central o Moza Banco continua a registar resultados negativos mas a sua base de lucro aumentou, em mais de cem por cento, e ascendeu a um bilião de meticais graças a novos investimentos realizados na Dívida Pública Interna do Estado moçambicano que é remunerada a altas taxas de juro.

Actualizado em Segunda, 04 Junho 2018 08:18
Continuar...
 
Filipe Nyusi corta deficitário Orçamento para Agricultura em Moçambique
Escrito por Adérito Caldeira   
Sexta, 01 Junho 2018 08:14

Foto da Presidencia da RepúblicaFilipe Nyusi, que desde que assumiu a Presidência de Moçambique tem cortado a alocação da agricultura, cortou mais de 50 milhões de meticais ao orçamento aprovado para o sector que é constitucionalmente base do desenvolvimento nacional durante o primeiro trimestre de 2018. São menos de dez por cento do custo do jatinho novo comprado no ano passado.

Actualizado em Sábado, 02 Junho 2018 08:12
Continuar...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 6 de 80
  • CIDADÃO REPORTA:
    No distrito de Meconta-provincia de Nampula em Mocambique, na xcola secundaria de Namialo, os professores, nao recebem suas horas extras ha 1 ano e um mes e saindo algum colectivo da xcola a direcao provincial das financas, dizem terem pago os ordenados e por sua vez o director distrital dizia que nao houve nenhum despacho e neste momento estao paralizadas as aulas!
  • CIDADÃO REPORTA:
    estou num fematro que sai da baixa para Albazine, o motorista acelera demais toda gente que se encontra aqui esta reclamando (escesso de velocidade) em Maputo.
  • CIDADÃO Pedro B. Langa REPORTA:
    Pedro B. Langa, Maputo. Enquato nao tivermos a coragem de ariscar em eleger o outro partido para governar o pais, vamos continuar a sofrer humilhacoes da Frelimo onde um tem 5 4x4 e o pobre nao sabe o que vai comer durante o dia. Nhancale o verdadeiro xiconhoca
  • CIDADÃO Leo REPORTA:
    está um corpo de uma mulher sem vida atrás do prédio onde vivo, vi o corpo por volta das 8 horas e até agora não vieram remover o corpo, a vizinhança já sabe disso comunicaram a policia e simplesmente vieram tapar o corpo com uma capulana e foram embora. O corpo,está na parte de trás de um prédio no bairro do Jardim, em Maputo, rua do jardim próximo a ponte da av. de Moçambique defronte a av. Joaquim Chissano.
Quer receber a nossa Newsletter diária com artigos escolhidos pelo editor no seu INBOX?
http://www.Auto-Doc.PT
 

@Verdade Newsletter

Quer receber diariamente no seu email a nossa edição em formato PDF? Preencha o seguinte formulário:
Irá receber um email com uma ligação para confirmar a sua subscrição. Caso não visualize o email no seu inbox confira na caixa spam.