Substituição da Semlex pela Muhlbauer na produção de BI´s e Passaportes custa 5,7 biliões de meticais
Escrito por Adérito Caldeira   
Quarta, 19 Dezembro 2018 07:14

Foto de Adérito CaldeiraA substituição da empresa belga Semlex na produção de documentos de identificação biométricos em Moçambique pela alemã Muhlbauer custou aos cofres do Estado pelo menos 5,7 biliões de meticais.

Actualizado em Quarta, 19 Dezembro 2018 07:42
Continuar...
 
Governo endividou-se em 18,6 biliões de meticais para financiar as gasolineiras em Moçambique
Escrito por Adérito Caldeira   
Terça, 18 Dezembro 2018 06:57

Apesar de ter terminado o subsídio directo às gasolineiras o Governo de Filipe Nyusi continua financia-las para garantir a disponibilidade de gasolina, gasóleo, gás de cozinha e petróleo. O @Verdade apurou que só entre Janeiro e Setembro o Executivo endividou-nos em 18,6 biliões de meticais para “abertura de garantias junto do Sindicato Bancário (BIM/BCI) para servir de colateral na importação de combustíveis”.

Actualizado em Terça, 18 Dezembro 2018 07:55
Continuar...
 
ENH precisa da Garantia bancária do Estado para entrar na Área 1 porque acumula dívidas de biliões
Escrito por Adérito Caldeira   
Segunda, 17 Dezembro 2018 08:29

Foto de Adérito CaldeiraNuma altura em que o financiamento do projecto de exploração de gás natural da Área 1 da Bacia do Rovuma foi lançado na banca internacional o @Verdade revela que o Estado terá de garantir o investimento de 2,2 biliões de dólares porque a Empresa Nacional de Hidrocarbonetos(ENH) não tem saúde financeira que lhe permita buscar investimentos. Sem as contas de 2017 auditadas, apenas no mês passado a ENH publicou as suas contas de 2016, o @Verdade apurou que o braço comercial do Governo no sector de Petróleos acumula dívidas não explicadas de biliões de meticais e deverá fechar o exercício de 2018 com prejuízos.

Actualizado em Segunda, 17 Dezembro 2018 09:26
Continuar...
 
Juízes do Constitucional querem mais mordomias adequadas à sua “dignidade” acrescidas aos 400 mil que já auferem
Escrito por Adérito Caldeira   
Sexta, 14 Dezembro 2018 07:46

ArquivoOs sete Juízes Conselheiros do Conselho Constitucional(CC), que auferem salários base acima de 200 mil meticais aos quais acrescem bónus e as mordomias de membros de órgãos de soberania, pretendem incluir na sua Lei Orgânica remunerações mensais que sejam mais “adequados à dignidade”. O @Verdade apurou que para 2019 o Orçamento de Estado prevê que Hermenegildo Gamito e os seus pares possam embolsar pelo menos 400 mil meticais por mês.

Actualizado em Domingo, 16 Dezembro 2018 12:05
Continuar...
 
TV Cabo condenada por fuga ao fisco em Moçambique
Escrito por Adérito Caldeira   
Quinta, 13 Dezembro 2018 07:32

Foto de Adérito CaldeiraA TV Cabo Moçambique Limitada perdeu o segundo recurso que intentou ao Tribunal Administrativo, relativamente a uma condenação por fuga ao fisco, e terá de pagar pouco mais de 2,4 milhões de meticais ao erário nacional.

Continuar...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 1 de 89
  • CIDADÃO REPORTA:
    No distrito de Meconta-provincia de Nampula em Mocambique, na xcola secundaria de Namialo, os professores, nao recebem suas horas extras ha 1 ano e um mes e saindo algum colectivo da xcola a direcao provincial das financas, dizem terem pago os ordenados e por sua vez o director distrital dizia que nao houve nenhum despacho e neste momento estao paralizadas as aulas!
  • CIDADÃO REPORTA:
    estou num fematro que sai da baixa para Albazine, o motorista acelera demais toda gente que se encontra aqui esta reclamando (escesso de velocidade) em Maputo.
  • CIDADÃO Pedro B. Langa REPORTA:
    Pedro B. Langa, Maputo. Enquato nao tivermos a coragem de ariscar em eleger o outro partido para governar o pais, vamos continuar a sofrer humilhacoes da Frelimo onde um tem 5 4x4 e o pobre nao sabe o que vai comer durante o dia. Nhancale o verdadeiro xiconhoca
  • CIDADÃO Leo REPORTA:
    está um corpo de uma mulher sem vida atrás do prédio onde vivo, vi o corpo por volta das 8 horas e até agora não vieram remover o corpo, a vizinhança já sabe disso comunicaram a policia e simplesmente vieram tapar o corpo com uma capulana e foram embora. O corpo,está na parte de trás de um prédio no bairro do Jardim, em Maputo, rua do jardim próximo a ponte da av. de Moçambique defronte a av. Joaquim Chissano.
Quer receber a nossa Newsletter diária com artigos escolhidos pelo editor no seu INBOX?
@Verdade
 

@Verdade Newsletter

Quer receber diariamente no seu email a nossa edição em formato PDF? Preencha o seguinte formulário:
Irá receber um email com uma ligação para confirmar a sua subscrição. Caso não visualize o email no seu inbox confira na caixa spam.