Taxar empresas e trabalhadores informais “é uma política repugnante” professor Kunal Sen
Escrito por Adérito Caldeira   
Quinta, 21 Novembro 2019 20:49

A ideia que a economia informal deve ser formalizada foi desmistificada pelo professor Kunal Sen que revelou nesta quinta-feira (21) que “61,2 por cento dos empregos no mundo são informais”, por isso “a economia informal veio para ficar”. O experiente economista, que é director na Universidade das Nações Unidas (UNU-WIDER), defendeu que cobrar impostos às empresas e trabalhadores informais “é uma política repugnante”.

Continuar...
 
Presidente da CNE diz que partidos da oposição não apresentaram provas materiais das irregularidades nas Eleições Gerais
Escrito por Adérito Caldeira   
Domingo, 27 Outubro 2019 23:24

Foto de Adérito CaldeiraAbdul Carimo Sau, revelou neste domingo (27) que os mandatários dos partidos políticos de oposição denunciaram a Comissão Nacional de Eleições (CNE) diversas irregularidades alegadamente ocorridas desde o recenseamento até a votação das Eleições Gerais deste ano, contudo “sem apresentar provas materiais”.

Continuar...
 
Ossufo Momade exige “reposição da verdade eleitoral” em Moçambique
Escrito por Redação   
Segunda, 21 Outubro 2019 23:08

Foto do Jornal ZitamarApós reunir com a sua Comissão Política Nacional o presidente da Renamo, Ossufo Momade, reiterou que o partido não vai “aceitar nem reconhecer os resultados da votação realizada no dia 15 de Outubro de 2019”. O passo seguinte do maior partido de oposição é “encetar diligências junto da sociedade moçambicana e da comunidade internacional de modo a encontrar soluções para a reposição da verdade eleitoral”.

Continuar...
 
Gerais: Momade mostra evidências de fraude e avisa “é isto que provocou as hostilidades militares”
Escrito por Adérito Caldeira   
Quarta, 16 Outubro 2019 03:12

Foto do partido RenamoA maioria das assembleias de voto abriu as 7 hora desta terça-feira (15) para as sextas Eleições Presidenciais e Legislativas, e terceiras Provinciais, em Moçambique. “Apenas 7 mesas não abriram em Cabo Delgado”, precisou o director do STAE. O candidato do partido Renamo a Presidente da República apresentou evidencias de fraude e avisou ao seu “irmão Nyusi”, “isto não é democracia, é isto que provocou as hostilidades militares no passado”.

Continuar...
 
Gerais 2019: União Europeia não observou ilícitos nas Eleições
Escrito por Redação   
Quarta, 16 Outubro 2019 22:44

O Chefe da Missão de Observação da União Europeia (UE), o eurodeputado Nacho Sánchez Amor, afirmou que a votação das sextas Eleições Presidenciais, Legislativas e terceiras Províncias decorreu “de uma forma tranquila, pacífica e ordeira”.

Continuar...
 
MDM perde 12 deputados, Simango tem pior resultado de sempre e insta PGR a investigar a “nódoa eleitoral de 15 de Outubro”
Escrito por Redação   
Domingo, 27 Outubro 2019 23:21

O Movimento Democrático de Moçambique (MDM), um dos maiores perdedores das Eleições Gerais, instou a Procuradoria-Geral da República (PGR) a investigar a “nódoa eleitoral de 15 de Outubro” e pediu a “responsabilização dos implicados na descredibilização do processo”. Daviz Simango obteve menos votos do que quando lançou a formação política em 2009 e no Parlamento perdeu 12 deputados.

Continuar...
 
MDM denuncia fraudes e irregularidades e “não aceita os resultados” das Eleições Gerais
Escrito por Redação   
Domingo, 20 Outubro 2019 23:46

O Movimento Democrático de Moçambique (MDM) denunciou na passada sexta-feira (18) centenas de fraudes e irregularidades que detectou durante a votação para as Eleições Gerais, declarou que “não aceita os resultados” e instou “aos órgãos eleitorais a reporem a legalidade do processo”.

Continuar...
 
Gerais: Tiros, um morto, gás lacrimogéneo e muitos boletins preenchidos fora das cabines de votação
Escrito por Redação   
Quarta, 16 Outubro 2019 03:11

Foto de Adérito CaldeiraA Polícia da República de Moçambique (PRM) voltou a mostrar a sua musculatura contra simpatizantes e membros dos partidos de oposição e manchou as Eleições Gerais com o baleamento mortal de um cidadão no Distrito de Nacala-Porto, na Província de Nampula. Outros tiros foram disparados na Zambézia, gás lacrimogéneo foi lançado contra eleitores que tentavam proteger o seu voto. Dezenas de cidadãos foram encontrados na posse de boletins de voto em branco e outros preenchidos à favor do partido Frelimo fora da cabine de votação.

Continuar...
 
Nyusi demorou 3 meses para promulgar Lei de Prevenção e Combate às Uniões Prematuras em Moçambique
Escrito por Redação   
Segunda, 14 Outubro 2019 23:11

O Presidente da República, Filipe Nyusi, demorou três meses para promulgar e mandar publicar a lei que criminaliza com prisão quem celebrar uma união com uma criança, os pais que autorizem ou incentivem essas uniões e até o adulto que receber uma menor como “pagamento”.

Continuar...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 2 de 133
  • CIDADÃO REPORTA:
    No distrito de Meconta-provincia de Nampula em Mocambique, na xcola secundaria de Namialo, os professores, nao recebem suas horas extras ha 1 ano e um mes e saindo algum colectivo da xcola a direcao provincial das financas, dizem terem pago os ordenados e por sua vez o director distrital dizia que nao houve nenhum despacho e neste momento estao paralizadas as aulas!
  • CIDADÃO REPORTA:
    estou num fematro que sai da baixa para Albazine, o motorista acelera demais toda gente que se encontra aqui esta reclamando (escesso de velocidade) em Maputo.
  • CIDADÃO Pedro B. Langa REPORTA:
    Pedro B. Langa, Maputo. Enquato nao tivermos a coragem de ariscar em eleger o outro partido para governar o pais, vamos continuar a sofrer humilhacoes da Frelimo onde um tem 5 4x4 e o pobre nao sabe o que vai comer durante o dia. Nhancale o verdadeiro xiconhoca
  • CIDADÃO Leo REPORTA:
    está um corpo de uma mulher sem vida atrás do prédio onde vivo, vi o corpo por volta das 8 horas e até agora não vieram remover o corpo, a vizinhança já sabe disso comunicaram a policia e simplesmente vieram tapar o corpo com uma capulana e foram embora. O corpo,está na parte de trás de um prédio no bairro do Jardim, em Maputo, rua do jardim próximo a ponte da av. de Moçambique defronte a av. Joaquim Chissano.
Quer receber a nossa Newsletter diária com artigos escolhidos pelo editor no seu INBOX?
http://www.Auto-Doc.PT
 

@Verdade Newsletter

Quer receber diariamente no seu email a nossa edição em formato PDF? Preencha o seguinte formulário:
Irá receber um email com uma ligação para confirmar a sua subscrição. Caso não visualize o email no seu inbox confira na caixa spam.