Adiado arranque do recenseamento eleitoral para as Autárquicas 2018
Escrito por Emildo Sambo   
Quarta, 21 Fevereiro 2018 07:40

O recenseamento eleitoral, que devia acontecer de 01 de Março a 29 de Abril próximos, foi remarcado, devendo ter lugar entre 19 de Março e 17 de Maio deste ano, por conta da realização da segunda volta da eleição autárquica intercalar em Nampula, que originou uma sobreposição de actividades da Comissão Nacional de Eleições (CNE).

Continuar...
 
Segunda volta da eleição intercalar em Nampula marcada para 14 de Março
Escrito por Emildo Sambo   
Quarta, 21 Fevereiro 2018 07:37

Amisse Cololo, candidato da Frelimo, e Paulo Vahanle, da Renamo, vão disputar a segunda volta da eleição autárquica intercalar no município de Nampula, a 14 de Março próximo, decidiu o Governo, após receber a proposta da Comissão Nacional de Eleições (CNE), na semana finda.

Continuar...
 
Presidente Nyusi voltou a Sofala para “discutir assuntos militares” com Dhlakama
Escrito por Redação   
Terça, 20 Fevereiro 2018 07:46

Foto da Presidencia da RepúblicaO Presidente de Moçambique voltou esta segunda-feira (19) à província de Sofala onde encontrou-se, pela primeira vez este ano, com o presidente do partido Renamo “para discutir sobre os assuntos militares, concretamente sobre o Desarmamento, Desmobilização e Reintegração”.

Continuar...
 
Comissão de especialidade na AR apresenta em 15 dias parecer técnico sobre revisão pontual da Constituição
Escrito por Emildo Sambo   
Sexta, 16 Fevereiro 2018 07:48

A Comissão dos Assuntos Constitucionais, Direitos Humanos e de Legalidade na Assembleia da República (AR) vai apresentar, dentro de 15 dias, um parecer técnico jurídico sobre a proposta de revisão pontual da Constituição da República, cujo documento final deverá acomodar o acordo conseguido entre o Governo e o maior partido da oposição, a Renamo, no âmbito do apregoado processo de descentralização.

Continuar...
 
Conselho Constitucional valida eleição intercalar em Nampula e determina realização da segunda volta
Escrito por Emildo Sambo   
Quinta, 15 Fevereiro 2018 07:16

O Conselho Constitucional (CC) validou e proclamou, na quarta-feira (14), os resultados da eleição intercalar ocorrida a 24 de Janeiro passado, na cidade de Nampula, província com o mesmo nome – na qual não houve vencedor – e determinou a realização da segunda volta até Março próximo.

Continuar...
 
Governo continua adiar instalação da Alta Autoridade da Indústria Extractiva, violando a Lei de Minas
Escrito por Adérito Caldeira   
Terça, 20 Fevereiro 2018 08:03

O Governo de Filipe Nyusi não tem data prevista para a instalação da Alta Autoridade da Indústria Extractiva (AAIE) que, por força da Lei de Minas, deveria ter entrado em funcionamento a 18 de Agosto de 2015. Quando se sabe que Moçambique poderá perder biliões de dólares em impostos não colectados devido a incapacidade do Instituto Nacional de Petróleo (INP) em auditar as concessionárias do sector de petróleo e gás esta instituição iria não só auditar mas também fiscalizar as actividades relacionadas com as receitas e os recursos financeiros no sector extractivo. No entanto a AAIE nunca foi de agrado do Executivo da Frelimo que em 2014 opôs-se a sua criação.

Continuar...
 
Em vez de consultado, Conselho de Estado foi “informado” sobre diálogo para Paz em Moçambique
Escrito por Adérito Caldeira   
Segunda, 19 Fevereiro 2018 07:23

Foto da Presidencia da RepúblicaO Conselho de Estado, órgão político de consulta de Filipe Nyusi, foi na passada sexta-feira (16) “foi informado sobre o processo de diálogo entre o Presidente da República e o Presidente da Renamo, com destaque para o ponto de situação da descentralização”. Afonso Dhlakama voltou a ser a ausência mais notável.

Continuar...
 
MISA pede ao Governo para revogar nomeação de economista e político para cargo de PCA da Televisão de Moçambique
Escrito por Redação   
Quinta, 15 Fevereiro 2018 07:22

O Instituto para a Comunicação Social da África Austral (MISA, acrónimo em inglês) Moçambique apela ao Governo de Filipe Nyusi para que revogue a nomeação do economista, político e antigo ministro da Indústria e Comércio, Armando Inroga, para o cargo do Presidente do Conselho de Administração (PCA) da Televisão de Moçambique (TVM) pelo facto desta “não ter sido antecedida por uma consulta ao Conselho Superior de Comunicação Social (CSCS), conforme conforme determina na Constituição da República”. Uma situação que repete-se pois em 2013 Jaime Cuambe também foi nomeado sem o Executivo consultar os CSCS.

Continuar...
 
Sétima sessão da Assembleia da República inicia a 28 de Fevereiro com revisão pontual da Constituição no topo da agenda
Escrito por Emildo Sambo   
Quarta, 14 Fevereiro 2018 07:21

A VII Sessão Ordinária – VIII Legislatura – do Parlamento moçambicano começa a 28 de Fevereiro em curso. O principal ponto de agenda é a revisão pontual da Constituição da República no sentido de acomodar o acordo alcançado entre o Governo e a Renamo, no âmbito do processo de descentralização, que desde as eleições gerais de 2014 tem sido uma das exigências do maior partido da oposição.

Continuar...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 1 de 88
  • CIDADÃO REPORTA:
    No distrito de Meconta-provincia de Nampula em Mocambique, na xcola secundaria de Namialo, os professores, nao recebem suas horas extras ha 1 ano e um mes e saindo algum colectivo da xcola a direcao provincial das financas, dizem terem pago os ordenados e por sua vez o director distrital dizia que nao houve nenhum despacho e neste momento estao paralizadas as aulas!
  • CIDADÃO REPORTA:
    estou num fematro que sai da baixa para Albazine, o motorista acelera demais toda gente que se encontra aqui esta reclamando (escesso de velocidade) em Maputo.
  • CIDADÃO Pedro B. Langa REPORTA:
    Pedro B. Langa, Maputo. Enquato nao tivermos a coragem de ariscar em eleger o outro partido para governar o pais, vamos continuar a sofrer humilhacoes da Frelimo onde um tem 5 4x4 e o pobre nao sabe o que vai comer durante o dia. Nhancale o verdadeiro xiconhoca
  • CIDADÃO Leo REPORTA:
    está um corpo de uma mulher sem vida atrás do prédio onde vivo, vi o corpo por volta das 8 horas e até agora não vieram remover o corpo, a vizinhança já sabe disso comunicaram a policia e simplesmente vieram tapar o corpo com uma capulana e foram embora. O corpo,está na parte de trás de um prédio no bairro do Jardim, em Maputo, rua do jardim próximo a ponte da av. de Moçambique defronte a av. Joaquim Chissano.
Quer receber a nossa Newsletter diária com artigos escolhidos pelo editor no seu INBOX?
http://www.Auto-Doc.PT
 

@Verdade Newsletter

Quer receber diariamente no seu email a nossa edição em formato PDF? Preencha o seguinte formulário:
Irá receber um email com uma ligação para confirmar a sua subscrição. Caso não visualize o email no seu inbox confira na caixa spam.