Faixa publicitária
Produzir cartões de identificação e atribuir bolsas de estudos as missões do Ministério dos Combatentes
Escrito por Redação  em 16 Fevereiro 2020
Share/Save/Bookmark

Ministério dos CombantentesCarlos Jorge Siliya, o novo ministro dos Combatentes, recebeu na passada sexta-feira (14) as pastas do seu antecessor, Eusébio Lambo, e tem como missões, até Abril, produzir e distribuir cartões de identificação do Combatente e atribuir bolsas de estudos aos combatentes e seus filhos.

Siliya herdou 55.758 combatentes, registados em menos de 15 meses pelo seu antecessor, e durante os primeiros 100 dias de governação de Filipe Nyusi terá de produzir e distribuir 750 cartões de identificação daqueles que muito deram para a liberdade e defesa de soberania de Moçambique.

Além disso o Ministério dos Combatentes tem de assegurar a atribuição de 650 bolsas de estudos para o ensino superior aos combatentes e seus filhos, indica o Plano de governação para os primeiros 100 dias do 2º mandato de Nyusi como Presidente da República.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom