Faixa publicitária
Juiz legaliza detenção de António Muchanga, acusado de “incitar à violência”
Escrito por Redação  em 09 Julho 2014
Share/Save/Bookmark

O Tribunal Judicial da Cidade de Maputo legalizou, nesta quarta-feira (09), a detenção do porta-voz do gabinete do presidente da Renamo, António Muchanga, detido na tarde da passada segunda-feira, 07 de mês corrente, no recinto da Presidência da República de Moçambique, momentos depois do Conselho de Estado. Muchanga é acusado de incitar à violência. O maior partido da oposição contestou desde o início o encarceramento do seu quadro, considerando que tal foi feito de forma ilegal por ter ocorrido sem um mandado judicial, tal como prevê a lei.

Após a leitura do despacho da legalização, feita por um escrivão e não pela juíza como tem sido habitual, o quadro da Renamo foi recolhido à Cadeia de Máxima Segurança, vulgo BO, sob forte aparato de segurança. Na ocasião, não foi permitido que a advogada de Muchanga, Alice Mabota, que é presidente da Liga dos Direitos Humanos, mantivesse o contacto com o seu cliente. Ela não tem dúvida que a detenção, e agora prisão, de Muchanga é o “prenúncio de um Estado militar”.

“Não fui chamada a presenciar a leitura da legalização e nem tenho optimismo nenhum”, disse Mabota, acrescentando que vai “reflectir sobre o assunto”.

À saída do Tribunal Judicial, António Muchanga, com o semblante carregado, não falou à Imprensa, tendo-se dirigido ao carro blindado, rodeado por dezenas de agentes de Polícia.

Renamo fala de ilegalidade

A Renamo diz que a detenção, e agora prisão, de António Muchanga é ilegal, por ter ocorrido sem o mandado judicial. Na verdade a lei estabelece que fora do flagrante delito, a detenção tem que ser ordenada por um juiz. Segundo escreve o Canal de Moçambique, o mandado de captura de António Muchanga foi feito na terça-feira, isto é, um dia depois da detenção. O semanário cita um juiz conselheiro do Tribunal Supremo a afirmar que a Procuradoria Geral da República e a Polícia estão a cumprir um expediente político que interessa à “parte superior”.

Os membros desta formação política consideram que Muchanga já é um preso político e a sua prisão sugere o que pode acontecer se o seu líder Afosno Dhlakama vier a Maputo para o esperado encontro com o Chefe de Estado, Armando Guebuza, como tem vindo a insistir o Governo visando que tal aconteça.

Comentários   

 
-1 #1 Gomes Trindade 10-07-2014 01:54
Isso é coisa que se faça? Atitude de um africano frustado, sr. Guebuza porte-se como um homem com H maisúculo, parece umjovem com pensamentos e atitudes de um deliquente. Virou ditadura esta porcaria, tas a fazer shits na town, já basta aquele Samora que maltratou-nos que nem uns cães, o fulano morreu, e hoje estamos a curtir uma imperial bem gelada no Piri-Piri, os putos estão a maravilhar com o novo Playstation 4, um celular moderno, um Mercedes Benz roubado, um rolex falso, no tempo do gajo, estaria-mos na bicha de papseco lá nas cooperativas, a cantar o hino nacional, a beber agua vumba sem gás, e para subir no LADA, olha lá, vá lá jovem, liberta o homem inocente, tas a espera de quê??????? Nem eu estaria aqui no Brasil a curtir o campeonato, já viu como è bom viver com democrácia? Vamos crescer, a vida não é só pensar em dinheiro, será que você vai levar esse todo taco consigo????? O Dlakhama não tem direito de sentir um cheirozinho dos nossos milhoees de Cabora baça?
Citar
 
 
0 #2 Raul Bonanza 10-07-2014 02:02
Bem dizido, este tipo faou muito bem, eu conheci esse fulano na guerra de ultramar, mandem este cabouclo deste tal 5%,, aqui pra o Alenteju. Estamos precisando de dinheiro. Este é o famoso rico indiano qui vendi as capulenas africanas? Ladrois du pouvo!!!!!
Citar
 
 
-1 #3 Roberto Calieri 10-07-2014 02:12
Esses juizes são da frelimo, devia ser um orgão neutro e assim não acontece. Todos cabritos comem, onde estão amarrados, quem é que não quer uns dolarzitos a mais na conta, no final do mês? Mèèèèèèèèèèèèèè seus cabritos!!!!!
Citar
 
 
0 #4 lihahe 10-07-2014 03:39
8 A estrada em que caminham as pessoas direitas é como a luz da aurora, que brilha cada vez mais até ser dia claro.

19 Mas a estrada dos maus é escura como a noite; eles caem e não podem ver no que foi que tropeçaram.
Citar
 
 
0 #5 Roberto Calieri 10-07-2014 04:17
Caro Pastor Lilahi, você por acaso é da Igreja Universal??????
Citar
 
 
-1 #6 Luis Molha Os Tomate 10-07-2014 04:33
Esta city está uma seca, este gaju está a fazer shits aqui!!!!!!
Os patos não precisam de farelo? Este tipo cheio da mola,não quer aumentar o salário do povo? Maji que cenas são estas? Qual é a deste tipo? Já bastou-nos os colonos a explorarem-nosp or 500 anos, agora o cúmulo, o preto a querer explorar outro preto, só porque são filhos de burgueses de gaza.
Citar
 
 
0 #7 Luis Molha Os Tomate 10-07-2014 04:39
Este tipo quer prender a todos,será que tem celas que cabem o povo todo lá? Aqui na city, até os monhés, xiii os canecos da catembe, nem falo, não gramam do gajo, e nós pretos, estamos lixados com o gajo. Sai uma m..da entra outra, xiconhocas do povo.
Citar
 

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 8
FracoBom