Faixa publicitária
Governo cria comissão especializada para debater questões militares com Renamo
Escrito por Victor Bulande  em 21 Setembro 2013
Share/Save/Bookmark

O Governo moçambicano acaba de criar uma comissão de peritos militares que deverá ocupar-se das questões de Defesa e Segurança no diálogo que vem mantendo desde Maio passado com a maior força da oposição, a Renamo. O grupo será liderado pelo ex-comandante da Academia Militar Samora Machel, o brigadeiro Júlio dos Santos Jane.

Não foram ainda tornados públicos os nomes de outros elementos integrantes na equipa, mas de acordo com o porta-voz do Presidente da República, Edson Macuácua, estes “serão anunciados oportunamente”. Esta é a segunda equipa governamental que manterá diálogo com a Renamo. A primeira é liderada pelo actual ministro de Agricultura, José Pacheco, sendo que um dos integrantes é o recém-nomeado ministro da Transporte e Comunicações, Gabriel Muthisse.

Entretanto, depois das indisponibilidades anunciadas nas duas últimas semanas, o Executivo mostrou-se, na última quarta-feira (18), em comunicado, disponível para reunir na próxima segunda-feira (23), com o partido de Afonso Dhlakama naquela que será a 21ª ronda de diálogo.

Guebuza insiste em querer dialogar em Maputo

O porta-voz de Guebuza reafirmou a disponibilidade deste em manter um frente-a-frente com o líder da oposição, Afonso Dhlakama, bastando para tal que estejam “criadas as condições e que o líder da Renamo esteja disposto a deslocar-se a Maputo.

Por sua vez, Dhlakama já começou a preparar a sua equipa de assessores para o almejado encontro, embora não se saiba ainda quando, nem onde, o mesmo terá lugar. Nesse sentido, ele escolheu para assessores do encontro seis militares e um civil, nomeadamente o Tenente General Ussufo Momade, Tenente-Coronel Mandava João Meque, Coronel José Manuel, os Majores António Muzorewa e Raimundo Dalho, o Capitão Renato Martins Matecule e o jurista Ezequiel Mondegusse, único civil que integra a equipa.

A composição desta equipa revela, de certa forma, o grau de importância que a Renamo atribui à questão de defesa e segurança, um dos pontos que este levará para o encontro do Chefe do Estado, sendo que o outro é despartidarização das Forças de Defesa e Segurança.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom