Faixa publicitária
Moçambique incapaz de vencer Seychelles está fora da Taça Cosafa
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Desporto
Escrito por Adérito Caldeira  em 29 Maio 2019
Share/Save/Bookmark

Foto da COSAFAA selecção nacional de Moçambique foi incapaz de vencer as Ilhas Seychelles, nesta terça-feira (28), em jogo da 2ª jornada da Taça Cosafa, e não vai conseguir o apuramento para a fase seguinte do torneio regional que está a ser disputado na África do Sul.

Após a derrota na estreia, diante da Namíbia, os “Mambas” precisavam de vencer as duas partidas que ainda tinham por disputar no Grupo B e aguardar deslizes dos adversários directos e até criou a primeira jogada de perigo no estádio Rei Zwelithini, em Durban, com um cabeceamento que passou perto do travessão de Ah-Kong.

As mudanças que Abel Xavier fez no onze inicial, comparativamente ao jogo da estreia, davam alguma profundidade ao ataque, particularmente pelo flanco direito por Ifren, mas faltou alguma agressividade a Ratifo no ataque final à baliza.

A 2ª parte abriu com uma remate do meio campo do camisola 19 de Moçambique, apanhou desprevenido o guarda-redes ilhéu mas a bola beijou o travessão e demorou a reagir Maninho para a recarga.

Maninho voltou a ter a oportunidade de chegar ao golo, quando no minuto 54 recebeu um passe açucarado de Witiness, mas cabeceou mal e o esférico chegou sem força às mãos de Ah-Kong.

Kamo-Kamo, eleito melhor da partida, também serviu milimetricamente Ratifo que cabeceou para as nuvens.

As Ilhas Seychelles, que deixaram a iniciativa do jogo aos moçambicanos, mostraram boa organização e que não são a mesma equipa a quem os “Mambas” goleavam no passado. No minuto 77 até chegou a introduzir a bola na baliza de Guambe mas foi assinalado fora de jogo a Perry Monnaie.

Já em tempo de compensação Ernesto fletiu para a meia lua e rematou forte e colocado, mas a bola passou ao lado da baliza das Seychelles.

Com este nulo Moçambique soma apenas 1 ponto e amarga o penúltimo lugar Grupo B sem chances de apuramento para os quartos-de-final.

Aliás o Malawi, que a nossa selecção enfrenta na quinta-feira (30), assegurou esse lugar, apura-se apenas o 1º de cada grupo, ao derrotar ainda nesta terça-feira (28) a Namíbia por 1-2.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 1
FracoBom