Faixa publicitária
Moçambola 2018: Mário mantém “locomotivas” de Maputo na liderança, perseguidos pela Liga e Ferroviário da Beira
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Desporto
Escrito por Adérito Caldeira  em 09 Abril 2018
Share/Save/Bookmark

Mário voltou a ser decisivo para o Ferroviário de Maputo manter-se na frente do campeonato nacional de futebol apontando o tento da vitória sobre os “canarinhos” de Nacala. Enquanto a União Desportiva do Songo e o Costa do Sol não jogam a Liga Desportiva, que venceu o Incomáti, e o Ferroviário da Beira, que derrotou a ENH, são os perseguidores directos ao líder.

Mesmo sem encher os olhos dos seus adeptos o Ferroviário de Maputo continua a liderar o Moçambola e este domingo voltou a sofrer mas conseguiu os almejados 3 pontos na recepção ao aguerrido Desportiva de Nacala.

Valeu o oportunismo de Mário, já na 2º parte, que aproveitou uma recarga após remate que acertou no poste Nando.

Na 2ª posição isolou-se a Liga Desportiva de Maputo que recebeu e vencer o Incomáti de Xinavane. Kabine deu início a vitória, ainda na 1ª parte e Dainho, antecipando-se ao guarda-redes Daniel, fez o segundo.

Mas depois do descanso os pupilos de Caló deram luta, mostraram a sua raça e conseguiram o tento de honra por Andre já perto do minuto 90.

Também isolado, no 3º lugar, está o Ferroviário da Beira que passou ao lado de uma goleada mas perece enfim ter entrado para o campeonato derrotando a ENH de Vilanculo.

Dayo aproveitou uma jogada em que o guarda-redes adversário parece ter sido carregado em falta para chutar para a baliza vazia. Andro dilatou o placar que foi fechado pelo defesa da ENH, Obeb, que cortou um centro para a própria baliza.

Em Manica a equipa de Lucas Barrarijo viu-se em desvantagem diante do seu público antes da meia hora de jogo e teve de trabalhar duro para primeiro empatar, por Magaba transformando em golo uma grande penalidade, e chegar a vitória pela perseverança de Henry que na cara do guarda redes cabeceou e acertou primeiro na trave e na recarga, já com o pé, atirou para o fundo das redes.

Na parte de baixo da tabela continua o Maxaquene que viajou para a cidade portuária de Nacala onde não teve argumentos para ultrapassar o Ferroviário local.

Marufo fez o tento da vitória dos anfitriões depois de ganhar uma falta na grande área, após boa jogada de combinação com Massawa.

Eis os resultados incompletos da 5ª jornada:

Liga Desportiva de Maputo 2-1 G.D. Incomati

Ferroviário da Beira 3-0 ENH Vilanculo

Textáfrica 2-1 1° de Maio Quelimane

Ferroviário de Nacala 1-0 Maxaquene

Ferroviário de Nampula 1-1 Sporting de Nampula

Ferroviário de Maputo 1-0 Desportivo de Nacala

 

Tendo a União Desportiva dois jogos em atraso e o Costa do Sol outro a classificação está assim ordenada:

CLUBES JVEDBMBSP
Ferroviário de Maputo54019512
Liga Desportiva de Maputo53116410
Ferroviário da Beira5230939
Ferroviário de Nampula5221748
G.D.R.Textafrica5221778
Costa do Sol4211417
Ferroviário de Nacala5212457
União Desportiva do Songo3210317
1º de Maio de Quelimane5203586
Clube de Chibuto4121555
ENH de Vilanculo5122365
12ºG.D.Incomati5122235
12ºMaxaquene5113574
12ºDesportivo de Nacala5113344
14ºSporting de Nampula4022272
14ºUniversidade Pedagógica de Manica4013151

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom