Faixa publicitária
1º de Agosto, comandado por Leia, derrota Ferroviário de Maputo e conquista “Champions” feminina basquetebol
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Desporto
Escrito por Adérito Caldeira  em 20 Novembro 2017
Share/Save/Bookmark

Foto da FIBAE à terceira final o Ferroviário de Maputo não venceu a Taça dos Clubes Campeões Africanos em basquetebol seniores femininos. A moçambicana Leia Dongue conduziu o 1º de Agosto para a vitória sobre as “locomotivas” e para o seu terceiro título continental.

Depois de deixar para trás as então cinco vezes campeãs africanas, nas meias-finais, Deolinda Gimo abriu o placar no pavilhão multiusos da Kilamba mostrando a vontade das moçambicanas chegarem ao mais importante troféu de clubes.

Mas outra moçambicana mostrou mais vontade de chegar ao título, Leia empatou, e Alicia Devaughn fez a cambalhota no marcador. As campeãs moçambicanas empataram, por duas vezes, mas a equipa angolana saiu do 1º período com vantagem de 4 pontos.

Odélia Mafanela, que conduziu as “locomotivas” na meia-final, voltou ao comando e as nossas campeãs mantinham a desvantagem curta, Elisabeth Pereira ainda reduziu mais com um triplo mas uma “bomba” de Elisabeth Mateus deixou o resultado em 23 a 32 pontos no intervalo.

As rainhas Leia Dongue e Alicia Devaughn

Odélia (14 pontos, 7 ressaltos, 1 roubo) abriu o placar no 3º período e Ingvild Mucauro seguiu-lhe colocando a desvantagem em 4 pontos, mas respondendo a uma “bomba” de Ana Susana Jaime Leia puxou dos galões e voltou a abriu vantagem de 10 pontos para as angolanas e beneficiando dos muitos ataques desperdiçados pelas nossas campeãs entraram para o derradeiro período com uma liderança de 16 pontos.

A pequena Anabela Cossa (14 pontos) tentava manter o Ferroviário na disputa, acertou duas “bombas”, mas Leia (23 pontos, 10 ressaltos e 3 roubos)e a norte-americana Alicia Devaughn estavam intratáveis carregando o 1º de Agosto para o seu terceiro título continental.

Foto da FIBAO Ferroviário que disputou a sua terceira final da “Champions” do basquetebol, por ironia do destino, esteve no primeiro título conquistado pela equipa angolana em 2006, no torneio disputado em Libreville.

O bronze ficou com as nigerianas do First Bank que derrotaram o Inter Clube por 70 a 61 pontos.

A jogadora mais valiosa(MVP) do torneio foi Alicia Devaughn (1º de Agosto) que partilhou um lugar no cinco ideal com Italee Lucas (Inter Clube) Dominique Wilson (First Bank) Gisela Vega (Ferroviário de Maputo) e Leia Dongue (1º de Agosto).

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 1
FracoBom