Faixa publicitária
“Champions” feminina basquetebol: Ferroviário elimina campeãs africanas ... será que à terceira final chegam ao título
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Desporto
Escrito por Adérito Caldeira  em 18 Novembro 2017
Share/Save/Bookmark

O Ferroviário de Maputo derrotou as campeãs africanas de basquetebol sénior feminino e vai disputar neste domingo(19) a final diante do 1º de Agosto. Após ter sido finalista vencido em duas decisões será que à terceira as "locomotivas" chegam ao mais importante troféu de clube do nosso continente?

O Inter Clube entrou com um triplo mas as locomotivas, que haviam perdido com a equipa angolana na fase de grupos, empatou e fez a primeira cambalhota no marcador. Cada jogada era disputadíssima, após três igualdades no placar, Italee Lucas deu nova vantagem a equipa anfitriã que Anabela Cossa apenas conseguiu reduzir para 2 pontos com uma "bomba".

Uma nova "bomba" de Anabela deu vantagem as moçambicanas no início do 2º período mas o Inter empatou e passou novamente para frente do placar gerindo a vantagem até ao intervalo, altura em que vencia por 32 a 29 pontos.

Comandadas por Odélia Mafanela as "locomotivas" mostravam que mesmo jogando em casa das adversárias tinham muito mais qualidade, e vontade, de chegar a final, porém o Inter também mostrava que queria revalidar o título e aumento a vantagem para 5 pontos antes do derradeiro período.

Inaki Garcia deve ter dito palavras mágicas as suas meninas que voltaram a todo o vapor e reduziram a desvantagem. A liderança no marcador alternava e os empates sucediam-se, até que Ana Susana Jaime aceitou mais uma "bomba" e o Ferroviário voltou para frente do marcador, faltava 1 minuto e 36 segundos para jogar.

Habituadas a disputarem a final, estiveram em todas nos últimos sete anos, o Inter sentiu a pressão "locomotiva", desnorteou e falhou alguns ataques enquanto as campeãs de Moçambique dilatavam a liderança. Num dos últimos ataques Odélia roubou a Italee e correu para o cesto para sentenciar a vitória, 62 a 71 pontos, que colocou o Ferroviário na final

Na decisão deste domingo(19),  a segunda consecutiva, as campeãs moçambicanas enfrentam o 1º de Agosto, que na outra semi-final não teve dificuldades para derrotar o First Bank da Nigéria por 64 a 44 pontos.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 2
FracoBom