Faixa publicitária
Mussa Chamaune remou no Rio de Janeiro mas não passou do último lugar
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Desporto
Escrito por Adérito Caldeira  em 16 Agosto 2016
Share/Save/Bookmark

Mussa Chamaune remou pela primeira vez numa olimpíada nesta segunda-feira(15), na prova de canoa individual (C1) 1.000 metros, apurou-se para às meias-finais de onde não passou. O moçambicano volta ainda a competir no Rio de Janeiro na próxima sexta-feira(19).

O canoísta estreou-se na manhã do décimo dia na 1ª corrida da categoria mas não foi além da última posição com o tempo de 5:00:454 minutos contudo, assim como todos outros competidores, apurou-se para as meias-finais que tiveram lugar ainda durante a manhã desta segunda-feira.

Mussa Chamaune voltou a ocupar a última posição sem conseguir melhorar a sua marca anterior e completou a sua participação com o tempo de 5:07:281 minutos.

O moçambicano de 23 anos de idade volta às águas da lagoa da cidade maravilhosa na sexta-feira(19) na prova de canoa dupla (C2) 1.000 metros onde irá remar al lado do seu compatriota Joaquim Lobo.

O jovem Joaquim, de 21 anos de idade, deverá estrear-se nos Jogos Olímpicos que decorrem no Brasil na quarta-feira(17).

Os jovens campeões africanos são os último representantes de Moçambique na olimpíada após as eliminações dos nadadores Jannah Sonnenschein e Igor Mogne, do judoca Marlon Acácio e do corredor Kurt Couto.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 1
FracoBom