Moçambola 2013: Campeão com a mesma direcção e novos reforços
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Desporto
Escrito por David Nhassengo  em 05 Janeiro 2013

O Clube dos Desportos da Maxaquene apresentou no princípio de noite da última sexta-feira (04), os seus novos reforços para a época futebolística 2013. Trata-se de sete novos jogadores maioritariamente oriundos da Liga Muçulmana que estarão a disposição dos campeões nacionais. Outrossim, a cerimónia serviu para esclarecer alguns “equívocos” sobre o clube, sobretudo no que compete à sua actual crise.

Inicialmente marcado para às 17h30, a cerimónia de apresentação dos novos reforços do Maxaquene só começou 42 minutos depois, num espaço que não coube para a tamanha moldura humana que não queria perder de vista o anúncio. Entre ela, estavam jornalistas, sócios do clube e adeptos, alguns dos quais obrigados a ficar pelo lado de fora pela limitação da sala de conferências daquele clube.

Introduzido por Hermenegildo Mavá, primeiro Vice-Presidente do clube, coube ao Alexandre Chivale, responsável pela área de Comunicação e Marketing explicar, primeiro, a crise com que se debate o Maxaquene nos últimos dias.

Começou Chivale por minimizar a actual crise directiva, deixando bem claro que “a actual direcção continuará a trabalhar de forma apaixonada até ao fim do seu mandado, a pedido dos sócios e patrocinadores do clube. O Presidente do Conselho Directivo, o engenheiro Salomone Cossa foi quem expressamente manifestou a intenção de abandonar a direcção do clube por entre vários motivos, os de saúde. Porém, mesmo sem estar na presidência, ele garantiu que continuará a dar o seu apoio ao clube e nós temos orgulho disso.”

Questionado sobre o futuro do Maxaquene sem um presidente, Alexandre Chivale respondeu que neste momento importa a continuidade das acções a bem do clube até porque, segundo ele, o elenco directivo sabe o que fazer ponderando, para mais tarde, a (re)criação do posto de presidente daquele clube campeão nacional.

No que à polémica dos salários em atraso e respectivos prémios de jogo compete, disse Chivale que “não há um único salário em atraso ou em divida; Não há – sequer – um prémio de jogo que não foi pago e não há nenhum caso de contrato malparado. A nível de dívidas outrossim, estamos em zero”.

“Imtiaz não fala em nome do Maxaquene”

A longa locução de Alexandre Chivale ultrapassou a “crise” directiva para desaguar na figura Imtiaz Amuji, aquele que durante a época triunfante do Maxaquene, apareceu nos meios de comunicação social a falar em nome do clube e, por vezes, a lançar severas críticas ao elenco directivo por alegada inércia. ”Falamos com Imtiaz e ele comprometeu-se perante a direcção, a nunca mais falar em nome do clube. Tudo o que diz respeito ao Maxaquene apenas à direcção compete. Porém ele fará a parte dele como adepto” Disse.

A hora dos reforços

A etapa mais esperada da cerimónia ficou para o fim. Coube ao Salvador Macamo, responsável pelo Departamento de Futebol a apresentação dos sete novos reforços do Maxaquene, seis dos quais presentes na sala:

- Carlitos, ex-capitão da Liga Muçulmana;

- Maurício, avançado oriundo da Liga Muçulmana;

- Micas, ala proveniente da Liga Muçulmana;

- Isac, médio, vindo Liga Muçulmana;

- Calima, ex-defesa central da Liga Muçulmana;

- Vling, defesa esquerdo provindo do Ferroviário de Maputo e

- Deivid, ex-avançado do Costa do Sol.

O único reforço não presente na sala, foi o avançado Deivid que segundo informações a nosso dispor, ainda pertence às fileiras do Costa do Sol, estando neste momento no seu país de origem a gozar das férias. Aliás, nem Salvador Macamo nem Hermenegildo Mavá foram capazes de dissipar esta dúvida, acentuando ainda mais o ponto de interrogação aos jornalistas presentes, quando questionados sobre o assunto.

Importa referir que o Maxaquene sem campo próprio efectuará à semelhança do seu vizinho, o despromovido Desportivo de Maputo, jogos no Estádio Nacional do Zimpeto e no Campo 1º de Maio.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 15
FracoBom 
Faixa publicitária