Faixa publicitária
Nigéria encerra fronteiras marítimas e terrestres nas vésperas das eleições legislativas e presidenciais
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - África
Escrito por Agências  em 26 Março 2015
Share/Save/Bookmark

A Nigéria anunciou o encerramento das suas fronteiras terrestres e marítimas a partir desta quarta-feira à meia-noite (25 de março) até sábado (28 de março) à meia-noite, em previsão das eleições legislativas e presidenciais nacionais de sábado.

O Ministério do Interior anunciou este encerramento num comunicado publicado esta quarta-feira na capital nigeriana, Abuja. O comunicado indica que as fronteiras serão encerradas para permitir o desenrolamento pacífico das eleições, acrescentando que o Serviço da Imigração da Nigéria (NIS) recebeu a ordem de garantir que os estrangeiros não participem no processo eleitoral.

Os cidadãos nigerianos deslocam-se sábado às urnas em duas etapas com a realização duas semanas após o escrutínio presidencial das eleições de governadores membros dos Parlamentos.

Quase 68 milhões e 800 mil Nigerianos estão inscritos para votar, dos quais cerca de 81 porcento receberam cartão de eleitor, sem o qual ninguém pode cumprir com o seu dever cívico.

Comentar


Código de segurança
Atualizar

 
Avaliação: / 0
FracoBom